Ar puro, belas paisagens e tranquilidade. É isso o que os visitantes irão encontrar no Parque Estadual do Rio Preto, localizado em São Gonçalo do Rio Preto, distante 70 quilômetros de Diamantina. Uma boa opção para o passeio de férias, em turma, com a família ou mesmo sozinho.

O parque está inserido no complexo da Serra do Espinhaço e, dentre os atrativos turísticos, pode-se destacar cachoeiras como a do Crioulo e a da Sempre-Viva.

Quem caminha pela área também encontra pinturas rupestres e mirantes naturais que permitem a todos os visitantes contemplar diversas corredeiras, piscinas naturais, praias de areia branca e trilhas.

Mas, para realizar esse passeio, o ideal é tirar mais de um dia para conhecer toda a beleza local. A orientação de quem conhece o parque é a de que são necessários pelo menos três dias para conhecer com calma toda a área.

A distância de São Gonçalo do Rio Preto até a portaria do parque é de 14 quilômetros de estrada de terra. Da portaria até o alojamento/camping são mais 5,5 quilômetros.

Para acesso ao parque é obrigatório assistir a uma palestra no Centro de Visitantes, assim que chega ao local. Neste momento, são repassadas informações sobre o parque e procedimentos sobre a visita.

Dentro da área não há serviço móvel ou fixo de telefonia e não é permitida a entrada de animais domésticos ou de estimação (somente cães de guia, com atestado de saúde do IMA atualizado). 
 
INFRAESTRUTURA
O parque possui uma das mais completas infraestruturas em unidades de conservação de Minas Gerais, que inclui portaria, estacionamento e restaurante.

O Centro de Visitantes possui um auditório para 70 pessoas, duas salas de reunião para 30 pessoas cada e uma sala para exposições.

Os 12 alojamentos podem abrigar até 52 pessoas e a área de camping comporta até 25 barracas e possui quiosques, churrasqueiras, lavatório de vasilhames, vestiários, fonte de água potável e o rio Preto, que passa ao lado. É necessário ao campista levar barraca e apetrechos para camping.

O parque funciona para visitação, de terça a domingo, de 7h às 17h e o ingresso custa R$20. Em feriados, férias e cursos, o parque permanece aberto às segundas-feiras.

No caso de pernoite, é necessário fazer reserva antecipadamente pelo e-mail antonio.almeida@meioambiente.mg.gov.br ou pelo telefone (38) 99976-5621. A diária de camping por pessoa custa R$ 40 e os alojamentos variam de R$80 a R$220.

AR PURO – Parque possuitrilhas para a prática de caminhadas e restaurante

AR PURO – Parque possui trilhas para a prática de caminhadas e restaurante

Leia mais: 
Parque é opção nas férias
Minas reserva lugares encantadores para férias
Divirta-se no Peruaçu