Três homens que fugiram da Penitenciária de Francisco Sá estão sendo procurados. Na madrugada de ontem, em ronda de rotina pelo presídio, os agentes verificaram que as grades do pavilhão estavam serradas e retorcidas. A concertina também estava quebrada. 

Deivison Oliveira Santos (28), Warley Miranda de Oliveira (34) e Jan Gomes de Souza (31) conseguiram fugir depois de serrarem a grade da cela que dá acesso ao pátio, onde os detentos tomam sol uma vez ao dia. Em seguida, danificaram a concertina eletrificada e pularam o muro, com auxílio de uma tereza (corda improvisada feita com lençóis). 

Os homens são considerados de alta periculosidade. Deivison foi preso em 2017 e os outros em 2018. A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) não informou o motivo das prisões. 

O Norte de Minas tem 17 unidades prisionais, com 4.556 detentos, todas em situação de superlotação. Por motivo de segurança, a Sejusp não informa o número de presos em unidades individuais. 

Quem tiver informações sobre os foragidos pode acionar a Polícia Militar pelo telefone 190. 

Neste ano, 40 presos tentaram fugir do presídio de Janaúba. Em Manga, um dos detentos, preso por assassinar um policial militar, fugiu, mas foi preso na semana posterior. Ele foi julgado e condenado. Continua foragido Alexandro Rocha dos Santos, de 34 anos, que conseguiu escapar do Presídio Regional de Montes Claros, em março – ele aproveitou o horário de trabalho na padaria da unidade para escapar.