Militantes do PCdoB promovem ato público e reverenciam memória de militantes históricos

Jornal O Norte
28/07/2005 às 20:44.
Atualizado em 15/11/2021 às 08:49

Eduardo Brasil


Repórter


eduardo@onorte.net

O diretório do PCdoB em Montes Claros realiza amanhã, às 19h, no auditório da Associação comercial, industrial e de serviços, um ato público que antecede promoção da conferência municipal prevista para setembro - e que servirá para que a legenda organize suas demandas que seguirão para a conferência estadual e, em seguida, para o congresso nacional que ocorrerá em São Paulo, no mês de outubro.

De acordo com Lipa Xavier, único representante da legenda no legislativo municipal, o ato público de amanhã tem o objetivo exatamente de antecipar as discussões que cercarão o congresso nacional, realizado de cinco em cinco anos, desta vez para definir as ações políticas da legenda até o ano de 2010.

- O PCdoB, com essas iniciativas, mostra sua diferença em relação aos outros partidos, determinando suas ações a partir do que pensa a sua base. Ou seja, a nossa discussão ocorre de baixo para cima, ao contrário de outras legendas, onde as orientações são oriundas da direção nacional, à revelia da militância - comemora o vereador.

DEMANDAS

Ainda segundo Lipa, nessas ocasiões o PCdoB levantará todas as suas demandas para os próximos cinco anos, com especial ênfase para as questões democráticas, aproveitando a oportunidade para discutir alianças e promover necessárias alterações no estatuto da legenda.

- Em 2000, por exemplo, quando ocorreu o 10° congresso nacional do PCdoB, foi deliberado o apoio político à candidatura presidencial de Lula. Se hoje o PCdoB soma com o governo federal foi porque essa decisão partiu de sua base, sem imposição da direção nacional. Quanto ao partido, em Montes Claros, estaremos voltados para a tarefa de traçarmos uma linha de ação que venha a fortalecer a nossa presença no cenário da política local, contribuindo para a consolidação de medidas que alcancem de fato a população mais carente dos serviços públicos.

HOMENAGEM

Além de enfatizar questões partidárias e orientadoras, o ato de amanhã também servirá para que o PCdoB preste homenagens a militantes históricos da luta da agremiação comunista contra a ditadura iniciada na década de 1960 com a ascensão dos militares ao poder.

- Vamos reverenciar a memória de dois grandes militantes do partido, Porfírio de Souza e Nego Marceneiro, que chegaram a ser presos e torturados pelo regime de exceção. Eles são exemplos da luta por um país justo, que o PCdoB defende desde sua criação - diz Lipa, informando ainda que na oportunidade será exibido um documentário sobre a vida dos dois companheiros falecidos recentemente.

- Será um documentário com depoimentos de pessoas que acompanharam a militância democrática de Porfírio e Nego Marceneiro. Testemunhas do trabalho corajoso que eles exerceram numa época em que a ditadura prendia, torturava e matava - acrescenta o vereador, citando a participação de algumas figuras de expressão no município.

- Teremos os depoimentos de Laerte David, da gráfica Orion, e homem importante de nossa imprensa que também lutou contra a tirania militar, do médico e artista plástico, Konstantin Christoff, de Dona Jacy Ribeiro, ex-primeira dama do município, viúva de Mário Ribeiro, outro perseguido pela ditadura, e ainda de Valdir Barbosa, filho de Nego Marceneiro, de Geralda de Souza, irmã de Porfírio, e de Alderico Ramos, o Dé, outro militante de nossa causa pela liberdade e pela democracia - conclui o parlamentar.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2023Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por