Wendell Lessawendell_lessa@yahoo.com.br

Igreja Presbiteriana do Brasil: 160 anos de pregação do evangelho

Publicado em 10/08/2022 às 22:03.

A Igreja Presbiteriana do Brasil (IPB) comemora neste dia 12 seu 160º aniversário. É “uma federação de igrejas locais, que adota como única regra de fé e prática as Escrituras Sagradas do Velho e Novo Testamentos e como sistema expositivo de doutrina e prática a sua Confissão de Fé e os Catecismos Maior e Breve” (CI-IPB, Art. 1º). O objetivo é “prestar culto a Deus, em espírito e verdade, pregar o Evangelho, batizar os conversos, seus filhos e menores sob sua guarda, e ‘ensinar os fieis a guardar a doutrina e prática das Escrituras do Antigo e Novo Testamentos, na sua pureza e integridade, bem como promover a aplicação dos princípios de fraternidade cristã e o crescimento de seus membros na graça e no conhecimento do Nosso Senhor Jesus Cristo” (CI-IPB, Art. 2º).

A história da IPB começou no dia 25 de novembro de 1858, quando o rev. Ashbel Green Simonton enviou à Junta de Missões Estrangeiras da Igreja Presbiteriana dos Estados Unidos da América (PCUSA) pedido formal para ser missionário. Indicou o Brasil como sua preferência, embora tenha deixado à Junta a decisão final. A Junta respondeu positivamente no dia 6 de dezembro de 1858, e Simonton dedicou-se à preparação, executando um plano outrora elaborado – viajar para a Virgínia – pregando e se recrutando, enquanto, ao mesmo tempo, reunia recursos para a viagem.

No dia 14 de dezembro, viajou para Romney, Virgínia. O plano era de ficar por lá de três a quatro semanas. Por diversas vezes, relata em seu diário as angústias próprias das incertezas que tinha em relação à sua vocação missionária. No registro do dia 19 de outubro de 1857, transcreve palavras de sua mãe: “É difícil separar-se daqueles que talvez não mais vejamos sobre a terra. Mas quando penso no valor das almas imortais que estão se perdendo pela falta do verdadeiro evangelho – o conhecimento do bendito Salvador – considero um privilégio ter alguém que queira sacrificar tanto e devotar tudo ao serviço do Mestre. Recomendo você com orações e lágrimas ao Senhor, que faz tudo bem”.

Às 9h30 do sábado 18 de junho de 1859, via o navio Banshee se desprender da terra norte-americana rumo ao Brasil. Relata, sutil e poeticamente, como o distanciamento se presencia na realidade. 

Conforme relato em seu diário, Simonton afirma ter realizado a 1ª Escola Dominical em português, num domingo anterior, dia 22 de abril, na sua própria casa. Estavam presentes a este trabalho as crianças dos Eubank, bem como Amália e Marroquinas Knaack. Ali começou a Igreja Presbiteriana do Brasil. Dois anos depois, no dia 12 de agosto de 1862, a IPB teve seu início. No relatório do Rev. Simonton enviado ao Presbitério do Rio de Janeiro, no dia 10 de julho de 1866, ele escreveu: “A cêa do Senhor foi celebrada, pela primeira vez, no dia 12 de Janeiro de 1862, professando-se publicamente Henriq E. Milford e C. J. Cardoso, primicias do Evangelho, feito por nós no Brasil. No decurso do mesmo anno 6 pessoas se professaram, 4 delles sendo Brasileiros, ou Portugueses, 1 Americano, e outro Inglez. A fim de cumprir com as formalidades precisas em virtude das leis do paiz, no dia 15 de Maio de 1863 fez-se uma reunião dos membros da Igreja, para formular e assignar certidões declarativas de serem A. L. Blackford e A. G. 
Simonton e F. I. C. Schneider pastores da Igreja Presbyteriana do Rio de Janeiro”.

Hoje, a IPB tem 4132 igrejas, 374 presbitérios e 87 sínodos e 4911 pastores espalhados em 1588 municípios por todo o território nacional. São 160 anos de propagação do evangelho.  

Parabéns à Igreja Presbiteriana do Brasil!

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por