EMPREENDEDORISMO NA PANDEMIA

Gente e Ideias / 21/05/2021 - 00h36

No programa D’Elas desta sexta-feira (21), a médica e reitora da Funorte Raquel Muniz vai contar histórias de profissionais que precisaram inovar e criar estratégias para se reerguer durante a pandemia. 

Wellington de Freitas, conhecido como Well Freitas, de 34 anos, é um dos convidados. O músico nasceu em São Paulo, mas mora em Montes Claros há mais de 13 anos, e conta que as dificuldades na pandemia foram muitas.

“Nossa classe do entretenimento, infelizmente, por mais que falem que não têm nada contra nós, os fatos mostram o contrário. Não estão olhando para nossa classe. E o desafio é ver praticamente tudo voltar a funcionar com suas normas e nós estarmos parados. Parece clichê, mas fomos os primeiros a parar e até hoje todos os decretos nos deixam como vilões desta situação “, diz.

Até as coisas se ajustarem, Wel aproveita os dias de isolamento para aprimorar conhecimentos dentro do segmento da música e realiza apresentações em condomínios, onde os moradores acompanham da varanda de suas casas.

O artista conta que respira música 24 horas e tem como referência, dentro do universo de saxofonistas, o cantor e compositor multi-instrumentista carioca Milton Guedes.

“Percebo que isso ficou muito forte ao longo do tempo e procuro seguir os passos do Milton. Aqui em nossa região tem o mestre Marcelo Andrade, de quem tive a honra de ser integrante de alguns projetos, como a Big Band Dionizica e o Quarteto. Cada ensaio, uma aula”, diz.

Para acompanhá-lo nas redes, basta acessar @wellfreitas_sax @twodablios e @deepquartetmusic , YouTube - Well Freitas 
 
MAIS MÚSICA
O montes-clarense Lucas Mendes Silva, de 24 anos, atua no ramo da música desde pequeno. Ao lado do irmão Matheus, começou bem cedo a tocar em eventos e bares da cidade. 

“Com o lockdown, nosso principal objetivo (que é a música) acabou sendo interrompido. Então, eu e meu irmão tivemos que buscar outras oportunidades, para conseguirmos sustentar esse nosso sonho. Hoje, tenho outro emprego na área de transporte, gerenciando as entregas de e-commerce no Norte de Minas”, conta.

O músico aproveita os dias para estar perto de quem ama, cuidar do próximo e zelar muito pela própria saúde. 

“Se tivermos consciência disso, logo tudo vai passar e vamos celebrar a vida. Então, nosso maior desafio é nos mantermos firmes, sem deixar de acreditar nunca nos nossos sonhos e num mundo melhor”, afirma.

Para segui-lo, acesse @cantor_lucasribeiro e @lucasribeiroematheus

Também participa do D’elas o consultor do Sebrae Matheus Martins.

Para acompanhar o D’elas, basta acessar as redes sociais de Raquel Muniz e YouTube Funorte.

Publicidade
Publicidade
Comentários