CPI da Covid-19

Conversa Inteligente / 20/05/2021 - 00h07

Em Belo Horizonte, avança na Câmara Municipal a CPI da Covid-19, para saber detalhes sobre os gastos da prefeitura com os recursos liberados pelo governo federal no combater à pandemia na capital do Estado.  

Receio
Em Montes Claros, assessores ligados ao governo Humberto Souto temem que a CPI do Senado bata na porta da prefeitura, já que no Congresso alguns parlamentares insistem em expandir a Comissão Parlamentar de Inquérito para estados e municípios. 
 
Calada
Sobre o assunto, a Câmara Municipal de Montes Claros insiste em ficar calada. O silêncio é estarrecedor.  
Mistério 
Enquanto isso, a população fica à mercê da pandemia, lutando pela vida, sem saber onde foram gastos os milhões que vieram para combater o coronavírus em Montes Claros.  
 
Terceira onda
Projeções feitas por cientistas nos EUA e Brasil acenderam o alerta de especialistas sobre a possibilidade de uma terceira onda da Covid-19 no pais, com nova alta de óbitos.  
 
Receio 2
Com a vacinação lenta, o Brasil pode chegar à trágica marca de 751 mil mortes até agosto.  
 
Montes Claros
Em Montes Claros, o município chega a 800 (18/5) mortos . Um número estarrecedor, que amedronta e exige das autoridades medidas mais eficazes na guerra contra o coronavírus.  
 
Ausentes
Com o afastamento político dos ex-prefeitos Tadeu Leite, Jairo Ataíde, Athos Avelino e caminhando para o encerramento do ciclo político do atual, Humberto Souto, que completará 90 anos no fim do seu segundo mandato, novo cenário se desenha no município de Montes Claros. A nova fase exigirá uma leitura política diferente...
...Sem a influência dos personagens citados na política montes-clarense, é óbvio que novos atores vão ocupar o espaço político.

Publicidade
Publicidade
Comentários