Esse Dia das Mães será muito especial para Ellen Carine e Rodrigo Bryan. Aos 25 anos, ela vai comemorar a data com a filha, Isabella Victória, de pouco mais de um mês, no colo. Para Rodrigo, a sensação também é de muita realização. A filha do casal trans nasceu no mês passado, em Montes Claros, após os nove meses de gestação levados por Rodrigo.

Foi ele quem deu à luz Isabella, no dia 6 de abril, no Hospital Universitário Clemente de Faria (HU). Foi o primeiro nascimento de um filho biológico de um casal transexual no Norte de Minas.

O NORTE conversou com Ellen e Rodrigo para saber como está a vida com a nova rotina e sobre a emoção de celebrarem o Dia das Mães com a pequena Isabella em casa.
 
Qual a emoção de comemorar o primeiro Dia das Mães?
Ellen: É uma alegria imensa poder realizar esse sonho. Sonho esse que veio recheado de sensações boas. Um misto de alegria, amor e felicidades! Hoje posso gritar para o mundo que sou feliz, sou completa, sou MÃE!

Quais estão sendo os desafios da maternidade?
Ellen: O grande desafio da nossa maternidade é a conscienti-zação da sociedade. Por mais que o pai tenha parido, a mãe sou eu, Ellen. Agora, dentro de casa, não temos nenhum desafio, porque é um sonho o que estamos vivendo. Cada noite sem dormir, horários trocados do dia pela noite e tudo o mais para a gente é motivo de alegria. Somos os pais mais felizes do mundo.

Como é o antes e pós-maternidade? O que mudou?
Ellen: A mudança entre o antes e o pós-maternidade foi grande. Nossa rotina virou uma loucura. Hoje, só temos tempo para nossa bebê. Tudo em casa gira em torno dela e, além de tudo, estamos mimando muito.

Vocês pensam em ter mais filhos?
Ellen: Queremos ter mais um filho. Sou filha única e isso me fez despertar para o quanto foi ruim não ter um irmão e não quero que minha filha sinta-se assim. Já estamos nas tentativas para este ano ainda.
 
Qual a maior alegria em ser mãe?
Ellen: A maior alegria em ser mãe é poder acordar e olhar do meu lado aquele rostinho angelical que eu tanto sonhei e hoje foi realizado!
 
Qual mensagem você deixa para todas as mães que estão lendo essa matéria?
Ellen: Minha mensagem para todas as novas mamães é que será bem difícil o período do pós-parto até adaptar a rotina do bebê, mas será bem mais satisfatório a sensação de poder ter seu pacotinho do seu lado!
 
Como o pai da Isabella Victória, qual a alegria de proporcionar a Ellen o primeiro Dia das Mães?
Rodrigo: A alegria de proporcionar esse sonho para minha esposa é surreal, pois me sinto completo em poder realizar esse sonho nosso.
 
Você enfrentou algum desafio na gestação?
Rodrigo: Eu tive que enfrentar as mudanças no meu corpo (modificações por causa da gestação).
 
Deixe uma mensagem para todas as mães em homenagem ao dia delas.
Rodrigo: Desejo um feliz Dia das Mães e que não seja apenas um dia, mas sim todos os dias. Vocês têm que ser parabenizadas pela coragem e garra que todas vocês têm.