O América Vôlei teve uma sequência dura no início da Superliga Masculina 2019/20, ao enfrentar times considerados candidatos ao título. A equipe de Montes Claros ainda não venceu nem pontuou.

A chance de sair dessa situação é neste sábado (30), contra o Ponta Grossa Vôlei. Na ocasião, o alviverde norte-mineiro terá a chance de reverter o quadro. Os torcedores já podem adquirir os ingressos para acompanhar a partida. 

De cara, na estreia, diante do torcedor, o América foi superado pelo Sesc-RJ por três sets a zero. O alviverde não conseguiu impor o ritmo de jogo e pecou nos principais fundamentos. Já os cariocas aproveitaram, erraram menos e levaram a partida com rendimento alto, fechando em parciais de 14 a 25, 19 a 25, 24 a 26. 

Veio o clássico contra o Sada Cruzeiro e mais um resultado negativo. Desta vez, fora de casa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Mais um três a zero. Os atletas resumiram o confronto em desatenção: parciais de 25 a 11, 25 a 18 e 25 a 16. 

No Ginásio da Vila Leopoldina, no Estado de São Paulo, em duelo válido pela terceira rodada, o time treinado por Henrique Furtado não resistiu ao grande volume de jogo do Sesi. O resultado não foi animador. Mais um jogo sem vencer: 25 a 13, 25 a 18, 25 a 17. 

Diante do Taubaté, atual campeão do torneio, na última partida, os americanos deram trabalho em quase uma hora e meia de muita emoção. O equilíbrio imperou durante o encontro, mas os donos da casa conseguiram se impor, fechando a partida com parciais de 25 a 21, 25 a 23, 29 a 27.

EM BRANCO
Dados os números, o Coelho é a única equipe que ainda não pontuou na competição e ocupa a lanterna da Super Liga. Depois de aproximadamente 3 mil quilômetros rodados, recebe um adversário que também não vive um bom momento, somando apenas um ponto. 

A partida entre América e Ponta Grossa será realizada às 19h, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros. Os ingressos estão sendo vendidos na Drogaria Minas Brasil no Centro e no Shopping e através do aplicativo Fideliza.

A novidade para a partida é que os pagantes da inteira terão direito à meia-entrada solidária. Eles deverão levar 1 kg de alimento não perecível, que será recebido na bilheteria do Ginásio. Os donativos serão entregues na Casa de Acolhimento Amor e Vida, que presta apoio aos moradores de rua.
*Estagiário sob supervisão do editor