Economia

Otimismo do setor industrial anima o Norte de Minas

Pela primeira vez desde o início da pandemia, economia é avaliada de maneira positiva

Leonardo Queiroz
Publicado em 28/09/2022 às 22:52.
“Vemos o atual cenário como um momento oportuno para expandir a nossa empresa”, avalia Mara Lúcia (REDES SOCIAIS/ DIVULGAÇÃO)

“Vemos o atual cenário como um momento oportuno para expandir a nossa empresa”, avalia Mara Lúcia (REDES SOCIAIS/ DIVULGAÇÃO)

Com grandes e novas empresas se instalando em Montes Claros, a cidade se enquadra na atual avaliação feita pelo setor industrial de maneira positiva às atuais condições da economia brasileira em relação à confiança em 27 dos 29 setores avaliados em setembro.  

De acordo com pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), houve crescimento acima de 50 pontos na passagem de agosto para setembro em todas as regiões do Brasil e em todos os portes da indústria. 

O indicador demonstra que o empresário percebe melhora das condições atuais na comparação com os últimos seis meses. 

O indicador de pontos varia de 0 a 100 e todos os valores acima de 50 pontos indicam confiança. 

Pela primeira vez desde fevereiro de 2020, todos os setores analisados avaliam de maneira positiva ou neutra as condições atuais da economia brasileira. O índice de evolução da produção registrou 54,5 pontos no mês de agosto ficando acima de 50 pontos o que significa o aumento da produção após o mês de Julho. 

De acordo com o diretor da área de indústrias da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Montes Claros (ACI), João Paculdino, há efetivamente uma sensação de otimismo.  

“O índice acima de 50 pontos não quer dizer que esta havendo uma melhora. Eles estão olhando para frente e enxergando que o pior já passou. Boa parte da indústria está trabalhando em patamares pré-pandemia e houve uma grande retomada por parte do setor industrial brasileiro onde em parte essa retomada se deve à perca do medo o que faz com que o ambiente se torne mais otimista. Houve uma enorme apreensão durante a pandemia e o que vemos no momento é o aumento da demanda e da produção do setor”, conta. 

NUVENS NEGRAS
“Existem nuvens negras no horizonte e uma delas é a inflação, que gera medo e trabalha hoje com taxas de juros elevadas. Mas de uma forma geral, temos a capacidade instalada para crescimento”, destaca João Paculdino. 

Em relação especificamente a Montes Claros, o momento é p’ositivo.  

“Estamos vendo grandes indústrias se instalando e estamos em rota de crescimento. Independentememente de quem seja o novo presidente, nosso crescimento local não vai deixar de acontecer”, acredita. 

“MOMENTO OPORTUNO” 
A micro-empresária Mara Lúcia, da fabrica de Pão de Queijo Mara, vê o momento como oportuno para as pequenas e grandes indústrias. 

“Surgimos na pandemia e desde o começo da fabricação dos nossos produtos sempre estivemos num crescimento ascendente. O segredo é trabalhar e apresentar ao consumidor um bom produto. Sempre trabalhamos em família e vemos o atual cenário como um momento oportuno para estudar e colocar em prática algo maior e expandir a nossa empresa”, conta.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2023Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por