O cabo da Polícia Militar Davidson Carvalho Almeida morreu em troca de tiros durante assalto em um posto de combustível na cidade de Jequitaí. 

Os militares receberam denúncia de que uma quadrilha especializada em roubo a caminhões estava tentando assaltar o posto. Quando a viatura de Davidson chegou ao local, começou a troca de tiros. O militar foi alvejado na cabeça. 

Eram dois assaltantes – um morreu no local e o comparsa foi preso na tarde de ontem. De acordo com a Polícia Militar, os homens fizeram dois assaltos recentes. Eles esperavam os motoristas pararem para abastecer ou descansar e cometiam os crimes. 

Cabo Carvalho chegou a ser socorrido pelo helicóptero dos Bombeiros, mas morreu antes de chegar ao hospital.

Carvalho, que casou no final de dezembro, morava em Montes Claros e nos dias de trabalho se deslocava para Jequitaí. Ele deixa uma filha de 6 meses.