A troca de informações entre a Polícia Federal na Bahia e as Polícias Militares daquele Estado e de Minas Gerais permitiu que fosse desarticulada, na quarta-feira, uma quadrilha fortemente especializada em roubo a bancos, explosão de caixas automáticos, explosão e roubo de caixas fortes e resgate de presos. A operação apurou que o bando planejava assaltar um carro-forte no Norte de Minas, no município de Padre Carvalho, próximo a Salinas.

De acordo com o major Flávio Santiago, há dois dias as equipes conjuntas de inteligência fizeram trabalhos de levantamento na região, quando, em determinado momento, foi percebido, no curso de um carro-forte pela rodovia, um Renault de cor prata em alta velocidade. 
 
BLOQUEIO
Logo em seguida, contou ainda o militar, foram acionados cerco e bloqueio, na operação de flagrante da quadrilha. “Após perceber os policiais, a quadrilha adentrou uma estrada vicinal, parou próximo a uma ponte, com as portas abertas, e começou a efetuar disparos de alta energia contra os policias, que revidaram. Os policiais aguardaram reforço militar e, em seguida, fizeram o adentramento tático a uma residência próxima ao local, encontrando vasto material, que foi apreendido pela Polícia Militar. Tratava-se de cerca de 400 quilos de explosivos adaptados para carro-forte, armamento de alta energia, quatro fuzis, uma espingarda calibre 12, três pistolas, muita munição e coletes balísticos”, informou.

Ainda de acordo com o major Santiago, acredita-se que a quadrilha tenha ligações em outros estados. “Ainda estamos fazendo o levantamento dos indivíduos, para fazer o cruzamento de informações com algumas identificações em Goiás e Minas Gerais”. Segundo o major, há um infrator que é da cidade de Padre Carvalho, que teria sido candidato a vereador no município.
 
FUGA 
Ao todo, seis suspeitos foram mortos no confronto e acredita-se que outros quatro tenham adentrado a mata, não sendo localizados até o fim da tarde de ontem. 

Equipes da polícia prosseguiram os trabalhados na região, na tentativa de capturar os demais integrantes da quadrilha que conseguiram fugir no momento do confronto.

Leia mais:
Seis criminosos fortemente armados morrem em confronto com a Polícia Militar no Norte de Minas