Aldeci XavierJornalista, articulista, analista político e empresarial | aldecixavier@gmail.com

Vitória nas urnas

Publicado em 22/11/2022 às 02:00.

Não podemos e nem devemos fazer conjecturas antecipadas em relação ao resultado do governo do presidente eleito Lula (PT). Para o bem do país, torcemos para que tudo dê certo. Entretanto, sem ser otimista ou pessimista, temos que entender que o sucesso nas urnas não é garantia de sucesso administrativo. Temos como exemplo a Argentina e outros países próximos.
 
Chacota mundial
Sou do tempo em que a imprensa era a voz do povo e foi responsável por mudanças importantes no nosso país. Em nenhum momento omitia a verdade dos acontecimentos, deixando a população tirar suas próprias conclusões. Independentemente da verdade das urnas nas eleições deste ano, por interesse pessoal, militante ou financeiro, transfere para a imprensa internacional a divulgação dos fatos que vem acontecendo no Brasil. O triste da história é que o resultado é a desmoralização do nosso judiciário, da classe política, culminando com a chacota do povo brasileiro.
 
Sílvio Santos
Há cerca de 40 anos o empresário e apresentador Sílvio Santos (SBT), durante um programa, deu a seguinte mensagem: “Realmente eu costumo ter mais vitórias do que derrota, mas, pela razão. Quando o ser humano está com a razão, Deus é o seu advogado. Ninguém vence o ser humano quando ele tem razão. Quando o ser humano não está com a razão, Deus é o juiz e o demônio o advogado de quem está sem razão. Quem tem razão, forte ou fraco, vence sempre. O bem sempre vence o mal. O mal vence por alguns minutos, ou pouco tempo, mas o bem sempre vence o mal. E não teríamos razão para viver, mesmo que essa vida terminasse no pó, se o mal vencesse o bem”.
 
Lei Rouanet
É fato que assumindo a direção do país, o presidente eleito Lula pretende destinar maior volume de recursos para atender a Lei Rouanet de incentivo à cultura (Lei 8.313) o que seria normal e importante. O que chama a atenção é que cantores, cineastas e outros que historicamente consumiram grande parte destes recursos já estão festejando antes mesmo de chegarem às suas mãos. O triste é que são profissionais com carreiras estabilizadas e definidas. Resumindo: pegam recursos que, direta ou indiretamente, são públicos e ainda cobram da população o ingresso. O justo é que estes recursos fossem destinados a projetos amadores, o que seria de fato um incentivo à cultura.
 
Credibilidade das instituições
Não é preciso levantamentos ou pesquisas para apontar quais entidades ou órgãos de maior e de menor credibilidade junto à população. É fato que o Corpo de Bombeiros, Forças Armadas, Polícia Militar de Minas, Polícia Federal e Rodoviária Federal estão com mais credibilidade. Com menor credibilidade podemos citar o STF, TSE, Congresso Nacional e parte da grande imprensa.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por