Terezinha Camposterezinhaorquidea@gmail.com

Um educador por excelência

Publicado em 24/11/2022 às 23:21.

Sou uma apaixonada pela educação. Militei no Magistério por 40 anos e cada vez que adentrei na sala de aula eu era renovada, tinha minhas forças restauradas e contemplava cada aluno com o pensamento: “Ele veio aqui em busca de aprendizagem em busca de transformação e Deus me buscou para trabalhar na vida desses meninos e meninas, que buscam trilhar o caminho do entendimento”.

O que eu não sabia é que Montes Claros fosse a indústria de produção de apaixonados pela educação. Temos o professor Ruy Muniz, Plínio Ribeiro, Nelson Teixeira, Yonne Fialho, Lili Madureira, Dulce Sarmento, Mário Ribeiro e tantos outros que fizeram de Montes Claros fonte inesgotável de grandes educadores.

Hoje quero demorar-me no educador Darcy Ribeiro no ano do centenário de seu nascimento.

Educação é vida, educação é essência, é amor, é justiça, é verdade, educação é sabedoria, educação é educar com ação, educar é abençoar.

Darcy Ribeiro nasceu em Montes Claros dia 26 de outubro de 1922. Seu pai, Reginaldo Ribeiro dos Santos, era farmacêutico, e sua mãe, Josefina Augusta da Silveira, professora. A Avenida Mestra Fininha tem o seu nome em sua homenagem. 

Iniciou seus estudos em sua cidade natal. Após concluir o ensino médio, ingressou na Faculdade de Medicina de Belo Horizonte, porém abandonou o curso.

Mudou-se para São Paulo e ingressou na Escola de Sociologia e Política graduando-se em 1946 no Curso de Ciências Sociais, se especializando em Antropologia.

Darcy Ribeiro (1922-1997) foi um antropólogo, sociólogo, educador, escritor e político brasileiro. Destacou-se por seu trabalho em defesa da causa indígena e da educação no Brasil.

Junto com Anísio Teixeira participou da defesa da escola pública por ocasião da discussão da Lei Diretrizes e Bases da Educação: Lei Diretrizes e Bases da Educação 9394 de 20 de dezembro de 1996, garantia do direito à educação e à aprendizagem ao longo da vida (incluído pela Lei 13.632 de 2018 ); garantia de ensino público em estabelecimentos oficiais; coexistência de instituições públicas e privadas de ensino.

A educação, dever da família e do Estado, inspirada nos princípios de liberdade e nos ideais de solidariedade humana, tem por finalidade o pleno desenvolvimento do educando, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.

Darcy Ribeiro foi defensor da democratização do ensino público e da qualidade do ensino para todos. Em 1964, com o golpe militar que derrubou Goulart, teve os seus direitos políticos cassados e foi obrigado a se exilar fora do país.

Tem várias obras literárias publicadas: políticas, históricas, educacionais, romances e ensaios.

Algumas curiosidades da vida do Darcy me impressionam muito. Foi ele quem disse: “Só há duas opções nesta vida: se resignar ou se indignar. E eu não vou me resignar nunca”. E não se resignou mesmo. Foi em frente sem medo das conseqüências e lutando sempre pelo que acreditava. Isso é próprio do sertanejo de Montes Claros. “Se nossos governantes não fizerem escolas, em 20 anos faltará dinheiro para construírem presídios”.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por