Resultado da OAB

Preto no Branco / 30/11/2021 - 00h58

A coluna saiu na frente ao antecipar o resultado da eleição da direção da OAB em Minas Gerais e em Montes Claros. Cravamos que o candidato Sérgio Leonardo venceria o ex-presidente Luiz Cláudio Chaves. Na disputa pela presidência da 11ª subseção da OAB em Montes Claros, divulgamos que o atual vice-presidente, Herbert Alcântara, havia largado na frente. O que não percebemos é que a diferença em relação ao candidato Danilo Kleber seria grande. O quadro mostrava uma disputa acirrada, com vantagem para o atual vice-presidente, mas a diferença acabou sendo maior que o previsto. 

Grupo no poder
A eleição da OAB de Montes Claros, ocorrida no último sábado (27), mostrou acima de tudo uma hegemonia do grupo que vem comandando a entidade desde 2010, quando foi eleito o advogado Álvaro Guilherme, que em 2013 foi reeleito, tendo como vice o advogado André Crisóstomo. No final de 2015, o eleito presidente da entidade foi o então vice-presidente Crisóstomo, que conseguiu ser reeleito tendo como companheiro de chapa o advogado Herbert Alcântara, que neste final de semana foi eleito presidente da entidade para o triênio 2022/2024.
 
Silvano reeleito
O bom trabalho realizado à frente da direção da AABB de Montes Claros resultou na reeleição, no último dia 18, do atual presidente, Silvano Tolentino, mais conhecido como Silvano Quero Pizza. A vice-presidência administrativa ficou com Mauro Ramires e a vice financeira, com Mauro Almeida. A estruturação do clube começou com Mauro Almeida, com Silvano dando sequência e ampliando o trabalho. Hoje, a AABB e o Max Mim Clube se tornaram referência no interior do Estado. 
 
Silvano desistiu
Depois de ter sido reeleito presidente da AABB, o empresário Silvano Quero Pizza (Podemos) decidiu engavetar o projeto de disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa de Minas. Em conversa com este jornalista, Silvano garantiu que apenas adiou seu projeto político e pensa em voltar a enfrentar as urnas em 2024, na disputa pelo Executivo de Montes Claros.
 
Movimento separatista
O prefeito de Mato Verde, Oscar Lisandro (PDT), que já declarou ser candidato a deputado estadual em 2022, tem aproveitado o holofote da mídia para tentar emplacar um discurso fora da realidade. Na quinta-feira (25), participou de programa de rádio em Janaúba, quando ao tentar enaltecer aquele município, comentou que vai trabalhar para que Montes Claros não represente mais a região da Serra Geral. Falou da implantação de infraestrutura para não depender. Esquece Lisandro que, mesmo sendo eleito, não terá poder suficiente para bancar seu projeto sozinho. O fato de Montes Claros ser referência na região se deve a vários fatores, e não apenas um querer pessoal, deste ou daquele político.

Publicidade
Publicidade
Comentários