Fogo no Bombeiro

Preto no Branco / 14/08/2020 - 00h46

A coluna recebeu informação de dentro da Unidade de Bombeiros Militar em Montes Claros que nos preocupou. A nota diz o seguinte: “no dia 07/08/2020 o 4º COB (Comando Operacional de Bombeiros), sediado em Montes Claros, formou 20 Bombeiros Militar no CEFS (Curso Especial de Formação de Sargentos), sendo 17 da região. A expectativa era que os 17 ficassem lotados na região, porém 13 estão sendo transferidos para Governador Valadares (6º COB). O que não dá para entender é que existe um grande claro de sargentos na região, mesmo assim o Comando Regional dos Bombeiros resolveu aumentar mais ainda o claro existente”. O ato de transferência deve ser publicado na sexta-feira próxima.

Fogo no Bombeiro II
Com relação à informação de que o Comando Regional de Bombeiros pretende transferir 13 dos 17 sargentos da região, formados recentemente, para o 6º COB em Governador Valadares, precisa ter vários pontos explicados. Primeiro, que na maioria são militares com mais de 20 anos de serviço prestado, e que já estão com toda família estruturada em Montes Claros. Se a transferência fosse para municípios vizinhos, dentro da unidade, seria um fato normal e não causaria traumas. Um outro ponto é a coincidência destes profissionais serem transferidos justamente para a região onde o comandante, coronel Fernando Augusto, cumpriu sua carreira de oficial e de onde veio para responder pelo Norte de Minas. É preciso que lideranças, principalmente políticas, se manifestem.
 
Minas e o Gerais
Se confirmadas as informações das transferências de sargentos de Montes Claros, recém-formados, para Governador Valadares, reforça o pensamento de que, no nosso Estado, o tratamento dado às Minas não é o mesmo para as Gerais.
 
Supermercado em Salinas
O empresário Virgílio Villefort adquiriu área de 30 mil metros quadrados na rotatória de entrada para o município de Salinas, onde pretende, de imediato, construir mais um supermercado. O terreno foi adquirido do empresário Antônio Rodrigues, considerado o maior produtor de cachaça do planeta terra. Vale lembrar que, próximo ao local, em frente à rodoviária, será inaugurado, em setembro, o mais novo supermercado do Grupo Cordeiros.
 
Visita do ministro
Diante das dificuldades diversas, inclusive financeira e de movimentação, impostas pela Covid-19, busco explicação para visita a Montes Claros, na tarde de quarta-feira, do deputado e ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Na prática, veio apenas falar da liberação de um recurso para a construção do Centro de Convenções e sede do Cimams, cujo dinheiro já há algum tempo está na conta. O próprio governo federal já havia restringido estes deslocamentos devido aos altos custos.

Publicidade
Publicidade
Comentários