D’elas celebra a Páscoa on-line

Gente e Ideias / 07/04/2021 - 00h22

Pelo segundo ano consecutivo, a Páscoa foi celebrada em meio a medidas restritivas por causa da pandemia do novo coronavírus: sem almoço com família reunida e as atividades de costume, como troca de chocolates. O momento é ainda delicado e todos devemos manter o isolamento social, usar máscara e álcool em gel. Por isso, o programa D’elas encontrou uma forma diferente de celebrar a data, por acreditar que, de alguma forma, o carinho, o amor e a solidariedade são fundamentais nesse momento. Então, de forma on-line, no último sábado, a médica e reitora da Funorte, Raquel Muniz, conversou com Eryka Jovânia Pereira, nutricionista egressa da Funorte, hoje profissional do Hospital das Clínicas e coordenadora do curso de nutrição Fasi e Funorte.

Raquel Muniz fez o programa de casa e durante o encontro contou sobre a infância humilde no bairro Morrinhos. A Semana Santa da família Queiroz era coisa muito séria: nada de carne vermelha na mesa. A vó, dona Maria, e a mãe, dona Elza, preparavam receitas com sardinha e ovos. Tudo simples, mas regado a muito amor.

“Me lembro muito da Semana Santa, na infância, de que as pessoas guardavam a semana inteira e não comiam carne de maneira alguma. Chegava ao ponto de, na sexta-feira, a gente deixar a comida pronta, no dia anterior. Tínhamos muitas dificuldades, mas minha mãe, criativa como sempre, às vezes preparava a sardinha num macarrão delicioso, bem temperado, com cebolinha verde, que até hoje faço questão de preparar em casa”, conta Raquel.

Durante o programa, juntas elas explicaram sobre os símbolos da Páscoa e seus significados, de como Jesus veio à Terra para nos reconciliar com Deus e nos libertar da morte, do pecado e, ainda, falaram sobre a importância da ressurreição, que é a verdadeira Páscoa e simboliza o início de uma vida nova.

“Fiquei emocionada em participar do D’elas, ao lado da Raquel, em poder contribuir com meu conhecimento e conhecer um pouco mais da sua história”, diz Eryka, que deu dicas de pratos para os almoços festivos que vão do salmão grelhado com molho de maracujá à sardinha, que é mais acessível.

Para Eryka, rever a egressa da Funorte Daniela Lessa, sua aluna na disciplina Introdução à Nutrição e Gastronomia, relembrar as aulas, foi uma felicidade. “Esse momento que estamos vivendo, serve para aprendermos a valorizar as coisas pequenas da vida, como o sol que brilha todas as manhãs, o sorriso de uma criança. Que tenhamos fé, porque tudo isso irá passar”, conta.

Oficina de ovos de Páscoa
A chef Daniela Lessa trouxe para o encontro técnicas atuais de preparo, montagem e decoração de ovos de Páscoa, utilizando insumos e conceitos modernos. “Mais uma vez fui privilegiada em fazer parte deste evento. A magnitude deste momento ultrapassa a expectativa de qualquer mulher que desempenha um papel na sociedade. A reitora Raquel Muniz estendeu este convite a mim. Tive a oportunidade ímpar de expor o meu conhecimento através da prática de fazer o que amo”, revela.
Para saber tudo que rolou nessa edição do Webinar D’elas, acesse o Facebook raquelmuniz.

Publicidade
Publicidade
Comentários