Piada liberada

Direto de Brasília / 23/06/2018 - 09h00

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por unanimidade, declarar a inconstitucionalidade do artigo 45 da Lei 9.504/97, conhecida como Lei das Eleições, que criou restrições a programas humorísticos veiculados no rádio e televisão durante o período eleitoral. O artigo 45 da lei diz que, após a realização das convenções partidárias, as emissoras de rádio e televisão ficam proibidas de usar montagem ou outro recurso de áudio ou de vídeo que “degradem ou ridicularizem candidato, partido ou coligação”. Em 2010, a norma foi suspensa pela Corte e os ministros julgaram o caso definitivamente na última quinta-feira.

Colheita infrutífera
Pesquisa da Oxfam aponta que os trabalhadores rurais brasileiros ficam com apenas 5% do valor das frutas que colhem, enquanto grandes redes de supermercados nos Estados Unidos e Europa detêm até 50% do valor da fruta vendida em suas gôndolas. O estudo também revela que o modelo de negócio adotado nessas regiões contribui para o sofrimento humano de milhões de trabalhadores rurais e pequenos e médios agricultores no mundo. O levantamento faz parte da nova campanha global da organização internacional de combate à pobreza. Segundo o estudo, os gigantes varejistas poderiam atuar decisivamente para mudar a situação de pobreza extrema de milhões de pessoas no mundo.

Queda nas pesquisas
Pesquisa do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe) aponta que a intenção de votos do pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), diminuiu nas últimas semanas. O deputado federal fluminense ainda lidera quando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não é incluído, mas tem índices de 5% mais baixos que os mostrados em pesquisas anteriores.

Fake News
Na última quinta-feira, durante o seminário “Fake News: Experiências e desafios”, promovido pelo TSE com a União Europeia para debater estratégias de combate ao conteúdo fraudulento, o ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Luiz Fux, afirmou que as eleições deste ano podem ser canceladas se for comprovada a interferência das fake news no resultado.

Atendimento gratuito
Um coletivo de psicanalistas brasilienses de diferentes vertentes teóricas está utilizando espaços públicos do Distrito Federal para realizar atendimentos gratuitos a quem passa pelo Conic e pela Rodoviária do Plano Piloto, dois dos locais mais movimentados da capital. A proposta é debater a democratização do acesso à psicanálise com a ocupação de espaços públicos

Publicidade
Publicidade
Comentários