Novo embate

Conversa Inteligente / 12/01/2021 - 00h19

O realinhamento político de Montes Claros vai colocando novamente em evidência, na disputa política de 2022, o prefeito Humberto Souto (Cidadania) e o ex-prefeito Ruy Muniz (Progressistas). Os dois continuarão dando as cartas em lados opostos e situações diferentes. As outras lideranças que ajudaram a eleger Souto e foram abandonadas terão que repensar a estratégia, já que foram tratados de maneira secundária pelo prefeito, que nem sequer faz questão de citá-los.

Quem é o prefeito?
Sob orientação de Humberto Souto, o vice-prefeito, Guilherme Guimarães, vai assumindo as ações na prefeitura, criando dúvidas sobre quem é o prefeito de fato em Montes Claros. 
 
Desesperados
Comerciantes estão apreensivos sem saber o que fazer diante da possibilidade de a Prefeitura de Montes Claros baixar novo decreto fechando o comércio. Especulações estão amedrontando empresários e empregados. 
 
Fiscalização inversa 
Ao invés de exercer a função de vereador na sua plenitude, fiscalizando os milhões investidos em obras inacabadas, cobrando explicações do Executivo de cada real gasto, cobrar prazo de entrega, fiscalizar a qualidade dos projetos, alguns parlamentares fingem exercer a função dando migué. Visitam os lugares com outra finalidade: filmar, tirar fotos e elogiar nas redes sociais a gestão municipal. Parecem mais funcionários da Prefeitura de Montes Claros.
 
Detalhe
Deixam de proteger a população usando salários e estrutura do dinheiro público para defender o governo municipal. Esquecem que a função do vereador é de salvaguardar os anseios da população.
 
Tirando adesivo 
Se antes tinha até gente na rua colocando adesivo (MOC aqui é o lugar), fazendo divulgação do governo Humberto Souto em para-brisas e para-choque de carros, hoje, além de xingar o início do segundo mandato, estão retirando a propaganda. Depois da eleição, MOC ficou sem lugar.

Publicidade
Publicidade
Comentários