A Superintendência Regional de Saúde (SRS) de Montes Claros recebeu nesta segunda-feira (24) 2.340 doses da vacina da Pfizer-BioNtec contra a Covid-19, que ficarão no município, para a imunização de grávidas e puérperas (mães recentes, até 45 dias após o parto), a partir de hoje.

Já as 6.690 da Coronavac que chegaram na última sexta (22) começaram a ser distribuídas também nesta terça, para que 21 municípios do Norte de Minas regularizem a aplicação da segunda dose, em idosos e pessoas com comorbidades que já estão com a imunização atrasada, segundo a própria superintendência. Do total de doses, 2.130 serão usadas em Montes Claros.

A vacinação de grávidas e puérperas havia sido suspensa no último dia 10, em atenção a uma recomendação do Ministério da Saúde quanto à não aplicação do imunizante da AstraZeneca nesse público. 
 
ATÉ QUINTA
A vacina da Pfizer será administrada nas grávidas e puérperas até a próxima quinta-feira, tendo em vista que a validade da medicação pode ser comprometida, caso não seja mantida sob temperaturas extremamente baixas. 

As grávidas e puérperas deverão comparecer a uma unidade de saúde, nos horários indicados, portando, no caso das gestantes, documento pessoal com foto, CPF, comprovante de endereço, cartão pré-natal ou exame de gravidez. Das puérperas será exigido documento com foto, CPF, comprovante de endereço, certidão de nascimento do bebê ou outro documento que comprove que a mulher deu à luz há menos de 45 dias.

Polliane Gonçalves Santana Lopes, de 32 anos, grávida de 32 semanas da primeira filha, Olívia, está ansiosa pela vacinação: “É muito grande a minha expectativa, apesar das preocupações e incertezas. Acho muito importante essa imunização. Fui orientada por minha médica de que os benefícios são maiores que possíveis risco”, conta. 

Os locais e horários de vacinação podem ser conferidos no site da Prefeitura de Montes Claros. 
 
INFLUENZA
A Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros informou ainda que repassou nesta segunda-feira, a 54 municípios que integram a sua área de atuação, a sétima remessa de 68.140 doses de vacina contra a Gripe Influenza. A 23ª Campanha Nacional de Vacinação começou em 12 de abril e, até o momento, os municípios da SRS já receberam 239.650 doses de imunizantes.

A campanha está na segunda etapa, iniciada no dia 11 deste mês. A coordenadora de Vigilância em Saúde da SRS, Agna Soares da Silva Menezes, alerta que “a imunização contra a gripe previne o surgimento de complicações decorrentes da doença, óbitos, internações e a sobrecarga nos serviços de saúde. Além de reduzir sintomas que podem ser confundidos com os da Covid-19”. 

(Colaborou Léo Queiroz)