O América Vôlei conheceu no início desta semana o primeiro adversário da Superliga na temporada 2019/2020. Trata-se do Sesc-Rj

Representantes das 24 equipes – 12 no masculino e 12 no feminino – que disputarão o torneio estiveram em São Paulo para o evento de lançamento oficial da liga. O gestor Andrey Souza, o técnico Henrique Furtado e o ponteiro Felipi Rammé participaram da cerimônia. 

Sobre a importância do evento, o treinador Henrique Furtado afirmou: “É um evento muito bacana e representa muito para o voleibol brasileiro. Estar ao lado de tanta gente competente, que escreveu seu nome na história do esporte, é inspirador”. 

Ainda na disputa do Campeonato Mineiro, o América já começa a se preparar para a competição nacional. Atletas que estavam com a Seleção Brasileira, campeã da Copa do Mundo, estarão nas principais equipes. 

O América jogará seu primeiro jogo em casa, no Ginásio Tancredo Neves, em 9 de novembro, contra o Sesc-RJ. 
 
MINEIRO
Pelo estadual, o alviverde volta às quadras em 25 de outubro, quando encara o Lavras Vôlei, às 20h. No dia seguinte, às 17h, a partida é contra o Sada Cruzeiro. 

Os jogos serão no Ginásio do Riacho, em Contagem. As datas dos duelos foram alteradas conforme divulgação da Federação Mineira. 

O time que representa Montes Claros ocupa a quarta colocação, com 14 pontos, em sete jogos disputados. O líder é o Fiat/Minas, 24 pontos, com dois jogos a mais.