Tiago Severino


Correspondente



PIRAPORA - Na última quinta-feira, 14, a polícia militar em Pirapora entregou certificados aos alunos que participaram do curso do Proerd - Programa educacional de resistência às drogas e à violência. Cerca de 700 crianças estiveram no Ceia -  Centro esportivo Irmã Angelina para participar da diplomação, que contou com a presença de autoridades civis e militares.



Em clima de descontração, as crianças brincaram com o mascote do programa, o leão da PM. Assistiram também a show de dança de alunos da escola Dr. Otávio e ouviram o coral da escola Matilde Cordeiro, que fizeram uma paródia para mostrar a importância do Proerd.



CONSCIENTIZAÇÃO



Segundo o major Sílvio Augusto, comandante da PM, o programa é essencial para conscientizar as crianças dos malefícios que a droga pode trazer, criando nas mentes de cada uma meios para resistir à pressão de amigos que possivelmente induzam ao vício.



De acordo com cabo Falcão, que foi o instrutor nas escolas, o curso contribui diretamente para a formação do caráter da criança, fortalecendo o ensinamento adquirido junto aos pais. Ao receber o certificado de participação, o PM foi aplaudido de pé por todas os meninos e meninas.



- Eu me sinto gratificado por esse trabalho - afirma o cabo.



Além da entrega dos diplomas, houve a premiação do concurso de redação, que tinha como tema: Proerd, paz e vida. E que premiou alunos e as professoras que os instruíram na escrita.



Segundo a PM, com dois anos de atuação o Proerd já conseguiu atender 1.650 crianças. O programa atua em escolas públicas com alunos entre 9 e 12 anos, do pré-escolar ao colegial. Durante seis meses foram ministradas aulas sobre técnicas de resistência ao uso de droga e à violência.