Minas atingiu a marca de 3.043 vidas perdidas pela Covid-19 nesta terça-feira (4), conforme boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES). Segundo o levantamento, o número de infectados chegou 135.728.

Os índices foram alcançados depois que o Estado confirmou, nas últimas 24 horas, 149 óbitos e 1.985 casos do novo coronavírus. Com relação às mortes nesse intervalo, o secretário de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, explicou que a alta se deve a uma atualização de notificações atrasadas no sistema.

“Durante esta semana, será feita uma mudança de metodologia das notificações, em especial nas dos óbitos. Já vínhamos orientando os municípios a manterem a atualização no sistema federal, o Sivep-Gripe. Neste momento, entendemos que a plataforma já está suficientemente atualizada para que possamos fazer a migração”, informou.

Dos 853 municípios mineiros, 813 já tiveram pelo menos um paciente infectado com a Covid-19. Isso representa 95% do total de cidades no Estado. Belo Horizonte é a mais afetada, com 20.519 casos. Uberlândia, no Triângulo, tem 12.623 registros.

Montes Claros registrava, no fim da tarde de ontem, 1.985 confirmações da doença, com 34 mortes. Desde o início da pandemia, a maior cidade do Norte de Minas registrou quase 16 mil notificações para Covid-19 e mais de 5.500 testaram negativo. O número de recuperados, segundo dados do Setor de Epidemiologia do município, está em 1.313.

Do total de doentes em Minas, 15.032 precisaram de internação hospitalar. Atualmente, 27.746 pessoas que receberam o diagnóstico positivo da síndrome viral são acompanhadas, em isolamento social ou internação. Outras 104.939 vítimas se livraram da enfermidade e são consideradas curadas.