JANAÚBA  – A Copasa – Companhia de saneamento básico de Minas Gerais anunciou, semana passada, a descentralização de suas atividades no Norte de Minas, com a implantação da Superintendência regional Norte de Janaúba. Com isso, os serviços que eram efetivados em Montes Claros passam a ser feitos em Janaúba, atendendo a demanda de quatro distritos: São Francisco, Januária, Salinas e Janaúba, abrangendo cerca de cem comunidades, entre municípios e distritos.



O engenheiro de Operações da estatal, Daniel Antunes Neto, será superintendente em Janaúba, onde já atuou como gerente do Distrito da Copasa entre os anos de 1992 a 99. Daniel Antunes Neto, 49 anos, sendo 23 deles dedicados à Copasa, é natural de Uberlândia e atuava como gerente distrital em Ipatinga, Vale do Aço já há cerca de seis anos.



Indicado por Aécio Neves, Daniel diz que vem atender a proposta do governador, que determinou atenção especial à região, visando seu fortalecimento. Salienta estar feliz por voltar a atuar na cidade:



- Vamos produzir resultados práticos e com rapidez, usando a princípio a estrutura padrão já existente das superintendências.



Acrescenta que o governo de Minas não quer ver obra parada e  que, com eficiência, vai atender esse pedido, dando continuidade às diversas obras desta região e agilizando concessões.



Trata-se o nome de Daniel Antunes Neto de uma indicação técnica.



- Neste início, a nossa superintendência será de um homem só, pois não quero criar estrutura que possa onerar o orçamento. Depois, sim, vamos montar uma equipe, privilegiando e valorizando os moradores desta parte do estado - diz Daniel.



Para o prefeito de Janaúba, Ivonei Abade Brito, a implantação da superintendência vem consolidar ainda mais o município como pólo e é o reconhecimento da importância que Janaúba tem no contexto estadual:



- É muito importante a vinda da superintendência da Copasa, descentralizando os trabalhos de Montes Claros. Isto trará mais agilidade no atendimento e na realização de obras de saneamento básico.