Bastante procurado por turistas do Brasil e do mundo inteiro pelo rico patrimônio natural, o Parque Nacional Cavernas do Peruaçu é uma ótima opção para quem quer se conectar com uma natureza exuberante nesse período de férias. Com paisagens de tirar o fôlego, o parque dispõe de rica arte rupestre pré-histórica em sítios arqueológicos milenares reconhecidos internacionalmente, tesouros guardados em mais de uma centena de cavernas. 

Compreendendo os municípios de Januária, Itacarambi e São João das Missões, no Extremo Norte de Minas Gerais, o parque criado em 1999 possui área de 56.400 hectares. Mediante agendamento, a unidade de conservação tem sete roteiros abertos à visitação. Tudo com grupo de 60 condutores ambientais treinados pelo ICMBio para garantir uma experiência segura e única. 

Trilhas bem sinalizadas – que percorrem os principais cenários do parque – ajudam a explorar a maioria das atrações, até pouco tempo disponíveis apenas em documentários. O visitante terá contato direto com a natureza, incluindo diferentes biomas (Cerrado e Caatinga), flora e fauna com espécies em extinção. 

Uma das trilhas mais famosas é a que leva ao cartão-postal do parque, a Gruta do Janelão, uma das cavernas mais espetaculares do planeta, que abriga a maior estalactite do mundo.

Mas também não pode ficar de fora do roteiro a última trilha aberta ao público – o Arco do André –, que merece destaque pelo conjunto de cavidades e mirantes naturais, com subidas e descidas íngremes que valem muito a pena.

Na parte mais elevada, os turistas e ambientalistas se deliciam com o maior cânion do Peruaçu, o Mirante do Mundo Inteiro.

GRUTA DO JANELÃO – Maior estalactite do mundo

GRUTA DO JANELÃO – Maior estalactite do mundo


Como chegar à unidade
A sede do Parque Cavernas do Peruaçu fica na comunidade do Fabião I, às margens da BR-135, km 155. Partindo de Januária são 45 km, e, de Itacarambi, são 15 km. O acesso até a entrada do parque pode ser feito de ônibus ou carro, sendo que para acessar os roteiros é necessário veículo motorizado, próprio ou alugado.

O aeroporto mais próximo é o de Montes Claros, que fica a 200 km da entrada da unidade de conservação. Há voos regulares partindo do Aeroporto de Confins para Montes Claros. A partir de lá é possível ir de ônibus de linha até Januária ou Itacarambi.
 
AGENDAMENTO 
Todas as visitas ao Parque Nacional Cavernas do Peruaçu devem ser previamente agendadas junto à gestão da unidade. O agendamento pode ser feito através do e-mail cavernas.peruacu@icmbio.gov.br. É preciso encaminhar o formulário de solicitação de agendamento preenchido, onde será verificada a disponibilidade da data proposta.

Para acessar os atrativos do parque é necessário a contratação de condutor – um para cada grupo de oito pessoas. Na Lapa Bonita, cada condutor pode levar apenas cinco visitantes. A contratação e agendamento do condutor é responsabilidade do visitante.

O parque pode ser visitado de segunda a domingo, de 8h às 18h, mas a entrada nos atrativos é permitida até as 15h, sempre com guia, por motivo de segurança.
 
ONDE FICAR? 
Há pousadas e hotéis em Januária e Itacarambi, cidades mais próximas da entrada do parque. Há também uma pousada dentro da unidade, com o nome de Recanto das Pedras. Informações pelo (38) 99879- 5710.

Leia mais: 
Minas reserva lugares encantadores para férias
Em meio à natureza
Parque é opção nas férias