Há quanto tempo ouve falar que os jogadores têm que se adaptar ao “futebol moderno”? Pois é, tal expressão não tem nada de nova. No entanto, ela ainda prevalecer para ressaltar o quanto um atleta precisa estar alinhado taticamente à dinâmica do esporte jogado com os pés. Quando se fala em “volante moderno”, você imagina um atleta acima da média, que sabe defender e atacar com qualidade, chegando a desempenhar durante os duelos o papel de “camisa 10” e, quando necessário, de zagueiro. Atualmente, Atlético e Cruzeiro estão bem servidos desse jogador. Preteridos no passado, o alvinegro Nathan e o celeste Éderson se tornaram donos do meio-campo de suas respectivas equipes.