O maior público pagante de um jogo envolvendo apenas uma das duas grandes torcidas de Belo Horizonte, no Mineirão, foi registrado num Atlético x Flamengo, em 13 de fevereiro de 1980, quando 115.142 torcedores pagaram ingresso na vitória alvinegra por 2 a 1, num amistoso de início de temporada.

Os dois clubes vão se reencontrar neste domingo no estádio, às 18h15, num confronto direto pela ponta da Série A do Campeonato Brasileiro, e viverão uma situação inédita: o Gigante da Pampulha vazio, reflexo da pandemia pelo novo coronavírus.

Atlético x Flamengo é o maior clássico interestadual do Mineirão, no que se refere a presença de público. O estádio, em 55 anos de história, teve 16 jogos com mais de 100 mil pagantes. Dez deles foram clássicos entre atleticanos e cruzeirenses.

Das seis partidas em que um clube mineiro recebeu uma equipe de outro Estado ou país, só o Atlético x Flamengo tem presença nesta lista duas vezes.

Além do amistoso de 13 de fevereiro de 1980, sete anos depois, em 4/2/1987, a partida de volta entre eles pelas oitavas de final do Campeonato Brasileiro de 1986,vencida pelo Atlético, que se classificou com o 1 a 0 conquistado com um gol de Nelinho, de pênalti, teve 104.497 pagantes.

O Galo tem cinco dos seis públicos acima de 100 mil pagantes no Mineirão, contra um da Raposa.
 
IMPRESSIONANTE
Esses dois grandes públicos entre Atlético e Flamengo são provas da rivalidade de pouco mais de quatro décadas entre eles. Os 5 a 1 do rubro-negro, num amistoso no Maracanã, em abril de 1979, foi o pontapé inicial dessa história, que ganhou força na decisão do título brasileiro de 1980 e na Libertadores de 1981.

Nos primeiros 15 jogos com pagantes, entre Atlético e Flamengo, no Mineirão, numa história vivida entre 1966 e 1978, a média de público foi de 25.176.

Nos anos 1980, com o ingrediente de ter se tornado o clássico interestadual de maior rivalidade no futebol brasileiro, esta marca mais do que triplicou. E em nove jogos foram 703.019 pagantes – com a impressionante média de 78.113.

Este número é muito superior à capacidade de público atual do Gigante da Pampulha, que após a reforma abriga cerca de 63 mil pessoas.

Nos anos 1980, o menor público de um Atlético x Flamengo, no Mineirão, foi de 50.108 torcedores num empate por 1 a 1. O confronto, disputado em 27 de janeiro de 1985, foi válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.
 
PORTÕES ABERTOS
São 42 os jogos entre Atlético e Flamengo no Mineirão, mas duas dessas partidas, em 1º de maio de 1972 e de 1980, foram disputadas com portões abertos, em comemoração ao Dia do Trabalhador.

Esta era uma prática comum no Brasil na época da Ditadura Militar.

Assim, 40 partidas entre atleticanos e flamenguistas, no Gigante da Pampulha, tiveram cobrança de ingresso.

E o número total de pagantes é de 1.721.299, média de 43.032. No novo Mineirão, a partir de 2013, são três partidas, com quase 120 mil pagantes e 40 mil de média.