A vitória por 1 a 0 sobre o Internacional, nesta quarta-feira (11), no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, deixa o América a um empate de alcançar uma façanha que nenhuma equipe que joga a Série B do Campeonato Brasileiro conseguiu nesta década: disputar as semifinais da Copa do Brasil.

O jogo de volta entre os dois clubes será na próxima quarta-feira (18), às 21h30, no Independência, e o Colorado precisa vencer por um gol de diferença, para levar a decisão da vaga para os pênaltis, ou a partir de dois para se classificar diretamente. Assim como aconteceu nas oitavas de final, quando eliminou o Corinthians, também ganhando por 1 a 0 a ida, como visitante, o Coelho precisa só de um empate.

Quem passar deste confronto enfrenta nas semifinais Palmeiras ou Ceará. O time paulista abriu grande vantagem ao golear por 3 a 0, no Allianz Parque, em São Paulo, nesta quarta-feira. O segundo jogo será também na próxima quarta-feira, às 19h, no Castelão, em Fortaleza.

Façanha

O último clube que chegou à semifinal da Copa do Brasil jogando a Série B na mesma temporada foi o Vasco, em 2009. O Cruzmaltino encarou o Corinthians na briga por uma vaga na decisão e levou a pior, mas pelo gol qualificado, que era critério de desempate na época. Empatou por 1 a 1, no Maracanã, e por 0 a 0, no Pacaembu.

A partir de 2010, todos os semifinalistas da Copa do Brasil foram clubes que disputam a Série A do Campeonato Brasileiro, embora alguns deles, apesar da boa campanha na segunda competição nacional, tenham sido rebaixados na principal.

O caso mais impressionante é o do Palmeiras, que foi campeão da Copa do Brasil de 2012, com Luiz Felipe Scolari no comando, mas terminou a Série A em 18º e caiu.

Antes, em 2010, o Vitória, que foi vice do Santos, de Neymar e Ganso, já tinha vivido esta situação, experimentada ainda por Ceará e Avaí, em 2011, e pelo Internacional, adversário do América, em 2016. Nesta edição, o Colorado foi eliminado pelo Atlético, que depois perdeu o título para o Grêmio.

O último semifinalista da Copa do Brasil rebaixado foi o Cruzeiro. No ano passado, a Raposa encarou justamente o Colorado nas semifinais, mas foi eliminado com duas derrotas. Perdeu por 1 a 0, no Mineirão, resultado que decretou a saída de Mano Menezes da Toca II, e depois foi goleado por 3 a 0, no Beira-Rio, com Rogério Ceni no comando e vivendo uma noite infeliz nas suas escolhas.

Cuiabá

Além do América, outra equipe que pode encerrar o jejum de clubes da Série B nas semifinais é o Cuiabá, adversário da equipe do técnico Lisca neste sábado (14), às 21h30, na Arena Panatanl, na partida que encerra a 21ª rodada da Segundona.

Mas a situação do Dourado é complicada. Na última quarta-feira, jogando como mandante, foi derrotado pelo Grêmio por 2 a 1. Assim, vai a Porto Alegre, na próxima quarta-feira, precisando de uma vitória por pelo menos um gol de diferença para decidir a vaga nas semifinais nos pênaltis.

Quem passar neste confronto encara na próxima fase o vencedor de Flamengo e São Paulo. Na última quarta-feira, o Tricolor venceu por 2 a 1, no Maracanã, e decide a vaga na próxima quarta-feira, no Morumbi, precisando apenas do empate.

OS SEMIFINALSITAS DA COPA DO BRASIL DESDE 2010

2010 – Santos – Vitória – Grêmio – Atlético-GO
2011 – Vasco – Coritiba – Ceará – Avaí
2012 – Palmeiras – Coritiba – São Paulo – Grêmio
2013 – Flamengo – Athletico-PR – Grêmio – Goiás
2014 – Atlético – Cruzeiro – Flamengo – Santos
2015 – Palmeiras – Santos – Fluminense – São Paulo
2016 – Grêmio – Atlético – Cruzeiro – Internacional
2017 – Cruzeiro – Flamengo – Grêmio – Botafogo
2018 – Cruzeiro – Corinthians – Flamengo – Palmeiras
2019 – Athletico-PR – Internacional – Grêmio – Cruzeiro