Minas Gerais terá mais 210 escolas de ensino médio em tempo integral na rede estadual a partir de 2022. A promessa foi anunciada ontem pelo governo do Estado. Se a medida se concretizar, vai ampliar o número de unidades com o modelo de jornada escolar expandida para 601 no território mineiro. 

A partir do próximo ano letivo serão 344 cidades, em todas as mesorregiões do Estado, contempladas com escolas com esse modelo de ensino, e 97 mil vagas serão ofertadas aos estudantes.
 
MATRÍCULAS 
Entre as novas unidades, 51 oferecerão o ensino médio em tempo integral profissionalizante. Neste formato, os estudantes serão preparados para o mercado de trabalho de acordo com as características produtivas de cada região. 

Os cursos são divididos em seis eixos temáticos: Informação e Comunicação, Controle e Processos Industriais, Recursos Naturais, Produção Industrial, Gestão e Negócios e Segurança.

“Temos um diagnóstico muito preciso dos setores produtivos, da empregabilidade, trazendo essa diversificação da oferta muito relacionada a cada polo produtivo do nosso Estado. Espero que os dados de empregabilidade de Minas sejam ainda mais expressivos por conta do nosso cuidado muito preciso em relação à questão dos setores produtivos locais”, afirmou a secretária estadual de Educação, Julia Sant’Anna.

As matrículas ficarão abertas de 17 de novembro a 10 de dezembro. As unidades que ofertam a modalidade podem ser consultadas no site do Ensino Médio em Tempo Integral (https://querointegral.com.br/MG/).