De acordo com o professor Marcone Oliveira, que leciona Inglês no Colégio Indyu, para ir bem na prova do Enem não basta saber somente os conteúdos. Ele conta que é preciso também praticar interpretação de texto e demonstrar repertório de conhecimento. 
 
Para a prova de Inglês, é preciso aprender o idioma, mas também levar em conta a análise da prova, das questões e como a língua é cobrada. 
 
O professor Marcone separou quatro dicas que vão ajudar na hora da prova de Inglês. Ele recomenda a ler o texto primeiro, verificar se há um periférico, que é uma imagem, foto, mapa, desenho, charge, ou apenas o título do texto em negrito.
 
Depois, o candidato deve fazer uma leitura óptica, usando a técnica de skimming, que é uma leitura superficial, rápida, buscando entender a ideia central do autor.
 
Por exemplo, se é um texto sobre environment (meio ambiente), ele recomenda que se procure lembrar tudo sobre meio ambiente. Clima, temperatura, desmatamento, vegetação, vida no campo, água etc. Assim, mesmo sem ter lido o texto, você acabou fazendo uma previsão de sentidos relacionados ao texto.
 
Em seguida, observe se em sua prova há uma legenda abaixo do texto com o vocabulário mais difícil. Isso já é uma pista de interpretação textual que o autor está dando.
 
Circule os verdadeiros cognatos, que são as palavras transparentes, ou seja, as palavras parecidascom as da nossa língua materna. Exemplos: information, important, different, intelligent, member.
 
Cuidado com os falsos cognatos, palavras que parecem com nossa língua materna, mas o significado é diferente, como parent, cujo significado é pais; e relatives, que significa parentes.