Economia

Municípios vão integrar projeto para desenvolver região

Programa do governo federal apoia atividades econômicas locais para gerar emprego e renda

Márcia Vieira
Publicado em 25/08/2022 às 22:50.
Proposta do governo federal foi apresentada a gestores municipais, empresários da região e representantes das instituições parceiras (ASCOM / SUDENE)

Proposta do governo federal foi apresentada a gestores municipais, empresários da região e representantes das instituições parceiras (ASCOM / SUDENE)

Seis municípios do Norte de Minas assinaram, nesta quinta-feira (25), protocolo de intenções para integrarem o projeto de Desenvolvimento Federativo para municípios de Minas Gerais. 

Glaucilândia, Guaraciama, Lassance, Olhos D’água, Riacho dos Machados e Montes Claros integram a iniciativa da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) em parceria com o Sebrae-MG, que objetiva melhorar indicadores sociais por meio da atração de investimentos. Umdos focos é o apoio a cadeias produtivas estratégicas .

“Para o Sebrae, é um orgulho ser o anfitrião no lançamento de um projeto tão importante para a economia da região. Estamos à disposição dos municípios para contribuir com crescimento e o desenvolvimento, por meio de iniciativas como as Salas Mineiras do Empreendedor e ações do programa Educação Empreendedora. O tamanho do Sebrae dentro do município é do tamanho que o próprio município quiser. Nós temos nossas ferramentas e metodologias de capacitação para junto com nossos parceiros contribuir para a geração de emprego e renda dos nossos territórios” declarou Walmath Magalhães, analista do Sebrae Minas, instituição parceira do evento.

Rone Douglas Dias, prefeito de Olhos D’Água, cidade com R$ 6,2 mil habitantes e contemplada no projeto, diz que quando se trata de correr atrás de investimento para sua cidade, qualquer aparente obstáculo pode ser enfrentado. E foi com esse pensamento que ele se deslocou até o Recife dirigindo o próprio carro, quando do lançamento do PDF.

“Valeu a pena e se precisar vou novamente. Uma das coisas que eu pautei foi o aprimoramento, a capacitação de nossos servidores. Temos uma agricultura familiar forte e precisamos das parcerias para que chegue o desenvolvimento aos nossos agricultores e tenhamos uma produção maior. Capacitar as pessoas para ofertar um trabalho de qualidade é muito importante”, destacou. 

“A Sudene atua em 2074 municípios. Não tínhamos como ir a todos ao mesmo tempo. Montamos então o projeto piloto com ações especificas para posteriormente avançar nas demais áreas. Selecionamos um município polo na região, que no caso é Montes Claros, e fomos buscar outros 5 ao redor deste polo”, disse Marcos Falcão, diretor estratégico de políticas da Sudene, que abriu o evento na cidade. 
 
CRITÉRIOS 
A escolha dos municípios obedeceu a critérios como população até 20 mil habitantes, fragilidade de indicadores socioeconômicos e dificuldade de acesso a políticas públicas. A partir daí, foram mapeadas as atividades econômicas e potencialidades de cada um.  

“Contribuir para o desenvolvimento está intrinsecamente ligado a qualidade de vida dos habitantes. Não podemos entrar na casa dos outros sem pedir licença, desse modo, conversamos com os gestores dos municípios e seus representantes que traçaram o diagnóstico para receber as ações”, disse.

Danilo Campelo, assessor técnico especializado da Coordenação Geral de Cooperação e Articulação de Políticas, pontuou as necessidades de cada município e ressaltou que as instituições parceiras como Banco do Nordeste, CEF, Dnocs, e outras, comparecem em convergência com essas necessidades. 

“Quando a gente coordena e se organiza, o resultado é mais eficiente. Desenvolvimento regional integrado é desenvolvimento inteligente. Vamos nos juntar, unir forças para alavancar o território”, finalizou.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por