Agronegócio

Foco na apicultura

Codevasf promove 19º Seminário para integrantes da cadeia de produção de mel no Norte de Minas

Da Redação
Publicado em 09/11/2022 às 22:59.
 (ASCOM/CODEVASF)

(ASCOM/CODEVASF)

A apicultura vem crescendo bastante no Norte de Minas e, atualmente, existem cerca de 2180 apicultores (1990 agricultores familiares), que atuam na atividade na região. 

Eles produzem cerca de 1.100 toneladas de mel por ano, que geram uma renda aproximada de R$15 milhões

Todo esse potencial econômico e a operacionalização da identificação geográfica (IG) – um típico produto da mata seca no Norte de Minas – serão temas do 19º Seminário de Apicultura do Norte de Minas, que será realizado na quinta-feira (10), a partir das 8 horas, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, em Montes Claros. 

A estimativa da organização é de um público de mais de 700 participantes no local, entre apicultores, produtores rurais, fornecedores de equipamentos, estudantes, técnicos da área agrícola, agentes financeiros e dirigentes de entidades públicas e privadas.

Emater, Senar, Sebrae e Cooperativa dos Apicultores e Agricultores Familiares do Norte De Minas também integram a coordenação do evento.
 
PROGRAMAÇÃO 
No período da manhã, a programação contará com as seguintes palestras: “Marcas coletivas e indicações geográficas – a importância para os territórios”, por Ricardo Boscaro de Castro, do Sebrae/MG; “Operacionalização da indicação geográfica do mel de aroeira do Norte de Minas”, por Hélio César de Oliveira, presidente do Conselho de Desenvolvimento da Apicultura do Norte de Minas; “A importância do cooperativismo em Minas Gerais”, por Rogério Cássio Ferreira Coelho, da Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (OCEMG); “Sicoob Credinor como agente de desenvolvimento do Norte de Minas”, por Dario Colares Araújo Moreira.

Já a programação da tarde terá as palestras: “A importância de boas práticas na valorização do mel norte mineiro”, por Gilzeane dos Santos Sant’Ana, professora da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes); “Cenário e Perspectiva da Apicultura no Brasil”, por Sérgio Luiz Gonçalves Farias, presidente da Confederação Brasileira de Apicultura (CBA).

Para encerrar o seminário, o coordenador regional do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), Rômulo Tadeu Pace, falará sobre “A importância da regularização do cadastro de apicultores”.
 
APICULTURA NA REGIÃO 
De acordo com o superintendente regional da Codevasf em Minas Gerais, Marco Câmara, existem aproximadamente 1.800 famílias de pequenos produtores rurais que atuam na atividade apícola no Norte de Minas, produzindo mais de 950 toneladas de mel por ano.  

Toda essa produção rende em torno de R$ 15 milhões.

Nos últimos dois anos, segundo o engenheiro agrônomo da Codevasf, Alex Demier, um dos coordenadores do 19º Seminário de Apicultura, a Companhia investiu mais de R$ 5 milhões na atividade apícola do Vale do São Francisco em Minas Gerais, beneficiando 30 associações de apicultores em 25 municípios no estado.  

Esses recursos foram aplicados na implantação de unidades de beneficiamento do mel, aquisição de equipamentos e insumos de produção, bem como em capacitação de apicultores e na construção de uma cooperativa de apicultores do Norte de Minas.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por