Agronegócio

Compostagem caseira é boa dica para adubar horta e pomar

Processo consiste na ecomposição e reciclagem de matéria orgânica como sobras de frutas, verduras, borra de café, folhas secas, entre outros

Da Agência Minas
Publicado em 05/10/2022 às 22:31.
A quantidade de composto orgânico usada na adubação vai depender da cultura e do tamanho da área (TOMAZ SILVA / AGÊNCIA BRASIL)

A quantidade de composto orgânico usada na adubação vai depender da cultura e do tamanho da área (TOMAZ SILVA / AGÊNCIA BRASIL)

A compostagem consiste na decomposição e reciclagem de matéria orgânica como sobras de frutas, verduras, borra de café, folhas secas e fezes frescas de gado ou de galinha.  

Por meio de um processo biológico, esses resíduos são transformados em adubo orgânico, que podem ser aplicados para melhorar o solo, sem a possibilidade de contaminação do meio ambiente.

“A compostagem feita em casa pode ser usada para adubação de hortas, pomares, jardins e até vasos de plantas”, explica o coordenador técnico estadual de Agroecologia da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), Fernando Tinoco.
 
PROCESSO
Para aproveitar as sobras de materiais orgânicos na nutrição do solo de uma plantação, será necessário uma vasilha grande (baldes, tambores ou composteiras prontas). No fundo do recipiente, deve ser feito um ou dois furos, para a eliminação do excesso de umidade.

O fundo da composteira (ou da vasilha) deve ser coberto com terra seca, areia ou munha (restos) de carvão, até uma altura de cinco centímetros. Os resíduos orgânicos, já pré-misturados, devem ser acrescentados.

As quantidades e concentrações de cada item usado na compostagem devem ser iguais. Por exemplo: 33% de folhas secas picadas/trituradas, 33% de cascas de verduras picadas/trituradas e restos alimentares e 33% de esterco de gado ou de galinha.  

Caso estejam muito secos, é recomendado acrescentar um pouco de água para aumentar a umidade e favorecer o início da fermentação.

O recipiente deve então ser fechado, sem lacrar a tampa, para que haja a saída dos gases. O material orgânico deve ser misturado sempre que colocar novos resíduos dentro do recipiente. Mas nos últimos 60 dias de fermentação, não se recomenda nenhum acréscimo. O tempo total de fermentação é de, em média, 90 dias.

Neste período, a umidade deve ser verificada semanalmente. Se estiver muito seco, o recomendado é acrescentar pouca água (sem encharcar) para favorecer a fermentação. O composto estará pronto para uso quando tiver aspecto e cheiro de terra.

A quantidade de composto orgânico usada na adubação vai depender da cultura e do tamanho da área (ou do recipiente). Por isso, o recomendado é procurar um técnico da Emater-MG para saber o procedimento correto.
 
ALERTA
Alguns produtos não devem ser usados no processo de compostagem. Segundo a Emater-MG, carnes, limão, couro, temperos fortes, papel, óleo, fezes de animais domésticos (cães, gatos, etc.) e líquidos não são recomendados.

Compartilhar
Logotipo O NorteLogotipo O Norte
E-MAIL:jornalismo@onorte.net
ENDEREÇO:Rua Justino CâmaraCentro - Montes Claros - MGCEP: 39400-010
O Norte© Copyright 2023Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por