Artista plástico bocaiuvense, Elton Carlos de Souza herdou da mãe o talento para as artes. A enfermeira Conceição Souza era uma apaixonada por bordados que aproveitava o tempo livre para criar lindas peças e complementar a renda mensal da família.

“Minha saudosa mãe bordava sempre ao lado de minha tia Julia Nery. Eram inseparáveis e nutriam de uma amizade preciosa. Programaram até de ficarem grávidas juntas. E tiveram vários filhos com idades parecidas. As nossas roupas eram todas bordadas. As meninas vestiam como princesas. Roupas que chamavam a atenção da vizinhança. As pessoas as procuravam sempre para encomendas. Foi dessa forma que comecei a me interessar. Quando percebi que era capaz de bordar também, nunca mais parei”, conta.

Quando não está bordando, Elton Carlos sai sempre pelas ruas de Bocaiuva, cidade do Norte de Minas conhecida pela tradicional Festa do Senhor do Bonfim, uma das maiores celebrações religiosas do interior de Minas. E fotografa casas, flores, vegetação, tudo que possa inspirar sua criação. “É uma forma de laboratório”, revela.
 
EXPOSIÇÕES
Antes da pandemia, o artista participou de algumas exposições em Montes Claros, dentre elas a “Fios e Nós”, onde mostrou as variações dentro do bordado, contando histórias da arte entre fios que se desembaraçam sobre traços bem livres. Da arte da vovó até o contemporâneo. 

“Outra exposição que me marcou bastante foi a que participei com meus estandartes. A inspiração é sempre a respeito da riqueza de nossa região e o legado religioso familiar com temas relacionados a fé, em diversas religiões. Outro trabalho importante na minha trajetória foi quando bordei um painel para uma exposição em São Paulo, contando a história de Zuzu Angel, uma das mais importantes estilistas da história da moda no país. Esse painel foi exposto também em Florença, Viena e Portugal”, conta. 
 
IMAGINAÇÃO
Atualmente, o artista continua a costurar sonhos, continua a bordar histórias e desatar os nós do dia a dia. “Me realizo quando estou bordando, seja com linhas ou pedrarias. Assim vou fazendo composição com tecidos. Vou onde minha imaginação me leva, dando sempre o melhor de mim, para que tudo saia bem feito. O bordado é minha paixão e meu ganha-pão. Lembrando que todos possuem a capacidade de realizar lindos trabalhos de bordado”.

Conheça mais o trabalho do artista:
Instagram: @eltoncarlossouzaalves