O piraporense Felipe Magela se adaptou à crise com criatividade e aproveitou o período para repensar sua atividade como músico e enólogo. Foi preciso focar mais nos estudos para aperfeiçoar sua técnica, realizando microvinificações em casa com uvas comuns (Niágara Rosada) produzidas em Pirapora e, também, melhorando técnicas ao piano com repertórios que permeiam tanto o popular como o clássico. 

Antes da pandemia, ele havia conhecido pelas redes sociais o empresário Andrea Carpentieri, proprietário do restaurante Bottega Coppola e juntos estão organizando o “Primeiro Jantar Harmonizado”.

“Assim que me mudei para Montes Claros, entrei em contato com alguns restaurantes, pela internet, e o Andrea me respondeu prontamente. Ele me convidou para conhecer o restaurante e logo articulamos os primeiros eventos, adiados devido à pandemia”.

O jantar será realizado em 25 de fevereiro, depois de muitos meses de preparação. A expectativa para este primeiro evento é grande e a ideia é torná-lo mensal. 

“Também penso em oferecer alguns cursos de Iniciação ao Mundo do Vinho e de degustação, pois há procura e interesse de muitos”, conta.
 
CULTURA DO VINHO
Sobre a parceira com o Bottega Coppola, o produtor diz que veio como um presente. “Por ser essencialmente um restaurante italiano, introduzir um conceito e cultura do vinho é uma ideia que o Andrea vem almejando há algum tempo”, diz.

A proposta de Magela é compartilhar experiências e aprendizado durante os anos de curso em bacharel em Enologia e diversas visitas técnicas realizadas nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina e também em cidades mineiras como Diamantina. Também teve a oportunidade de visitar países vitivinícolas da América do Sul, como Argentina e Uruguai.

“Promovi alguns eventos em Pirapora, trazendo a ideia de harmonizações entre pratos e vinhos selecionados. Abordei as principais características de cada uva, falando um pouco sobre os métodos de produção, características de clima e solo de cada região produtora e mostrando todo o potencial de cada vinho”.

Em parceria com a cantora lírica Simone Santana, o músico tem se apresentado ao vivo ao piano. “A Simone é uma grande amiga e vem me acompanhando desde o II Vinhos & Massas, realizado em Pirapora. O nosso repertório abrange música erudita e popular. Terá algumas apresentações de piano solo, por mim, com músicas de trilha sonora de filmes como. A Simone trará músicas no estilo negro espiritual e eruditas”, conta.

Felipe Magela começou os estudos de piano em 2019 no Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernandez (Celf) para aprimorar sua técnica pianística. Ele já toca há mais de dez anos.

Para participar do I Jantar Harmonizado é necessário fazer reserva: pelo Instagram do Bottega Coppola ou pelo telefone (38) 99191-5557 ou (38) 3220-1928