Instituído pela Confederação Nacional das Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer, o Setembro Dourado é uma campanha dedicada à prevenção do câncer infantojuvenil. Durante todo este mês, a Fundação Sara, instituição de referência e amparo a pacientes oncológicos infantis no Norte de Minas, intensifica ações de conscientização sobre o tema em escolas e empresas.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), todos os anos pelo menos 11 mil crianças e adolescentes de 1 a 19 anos são diagnosticados com câncer no Brasil. A Fundação Sara aponta que em Montes Claros estão sendo tratadas 170 crianças, e foram registrados 39 novos casos em 2016 – do município e de cidades vizinhas.

“Diferente do câncer em adultos, o infantil e juvenil não tem prevenção e não tem fatores de risco associados bem definidos, excetuando herança genética (raros os casos) e síndromes, que a criança já tenha o diagnóstico, e que aumentam as chances de desenvolver alguns tipos de câncer”, explica Sabrina Eleutério, cancerologista pediatra.

Ainda de acordo com a especialista, é necessário que os pais fiquem atentos aos primeiros indícios de câncer, uma vez que os sintomas podem ser confundidos com outras doenças. “Manchas roxas, sangue pelo nariz e boca e fraqueza. Esses são os principais sintomas que podem ser confundidos com machucados, geralmente comuns em crianças”, conclui.
 
CONSCIENTIZAÇÃO
Durante este mês, colaboradores da Fundação Sara realizarão ações em escolas e comércio com os temas: sinais e sintomas; o poder da alimentação no tratamento do câncer e na melhoria da qualidade de vida; terceiro setor e responsabilidade social; cuidado integral durante o tratamento do câncer.
 
CORRIDA
No próximo domingo, a Fundação Sara com o apoio do Circuito Sesi de Corrida de Rua dá início as atividades do Setembro Dourado. O evento será realizado às 8h30 no Parque Municipal Milton Prates.