O ex-prefeito de Belo Horizonte e atual presidente do Conselho da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Marcio Lacerda, está no Norte de Minas nesta semana com a caravana pela pré-candidatura ao governo do Estado. A peregrinação teve início em 2017 e percorreu 130 cidades mineiras. Ontem ele foi recebido em São Francisco, Brasília de Minas e Coração de Jesus. Hoje, visita as cidades de Taiobeiras, Rio Pardo de Minas e São João do Paraíso. 

Apontado como o melhor prefeito do Brasil por cinco vezes consecutivas, de acordo com pesquisa dos institutos Datafolha e Ibope, Lacerda tem o desafio de se tornar conhecido no interior do Estado. Dados indicam que ele é conhecido entre 22% dos eleitores do Estado, e, entre estes, 14,6% apontam o seu nome como favorito às eleições de outubro.

Para o socialista, Minas é um estado diverso e com características muito peculiares. Em relação ao Norte do Estado, ele considera que é necessário um planejamento específico para atacar o grande problema da região, que é a crise hídrica. Como vantagem para enfrentar o problema, Lacerda carrega a experiência de ter passado pelo Ministério da Integração Nacional. 

O pré-candidato aponta falhas na gestão como principal causa do colapso financeiro das contas públicas de várias administrações no país. A fim de promover a recuperação financeira e a redistribuição do dinheiro, ele entende como único meio o diagnóstico preciso e transparente das dificuldades e a união em torno do mesmo objetivo, inclusive com trabalho voluntário aos fins de semana. Para isso, sugere uma equipe diferenciada, técnica e menos política, onde a sociedade seja chamada a participar, partilhar e assumir responsabilidades. 

“Acho que a nossa obrigação de político, administrador ou pré-candidato é enfrentar este tipo de situação. O povo quer uma pessoa experiente, trabalhadora. Eu penso que preencho essas características. Isso foi o que me motivou”, disse, durante visita a São Francisco. 
 
RECEPÇÃO
Acompanhando do ex-prefeito de Montes Claros, professor Ruy Muniz, Lacerda foi recebido calorosamente por vereadores e lideranças políticas na cidade de São Francisco, como o ex-prefeito Severino Gonçalves, tido como uma das figuras centrais da política sanfranciscana.

“Lacerda tem o nosso apoio, e a política precisa de homens como ele, honesto, trabalhador e que fez a melhor administração do Brasil” , disse o ex-prefeito, que na ocasião citou o ex-prefeito Ruy Muniz como candidato ideal para defender e trabalhar por Minas no Senado. 

Para Muniz, Lacerda reúne as qualidades necessárias para Minas e a sua pré-candidatura ao Senado reforça a parceria, cujo modelo de gestão é similar.

“Política é coisa boa e é necessária a participação do cidadão. A política pode reduzir as desigualdades e o Marcio tem a vida pautada neste caminho. Me inspirei nele para administrar Montes Claros. Ele implantou escolas, valorizou a educação e fez uma administração moderna. O povo do Norte é empreendedor e vai saber reconhecer o seu valor”, disse Ruy.

Lacerda comentou a possibilidade de ter um norte-mineiro como candidato ao Senado na chapa do PSB.

“Pelo o que Ruy representa para o Norte, por seu trabalho político, administrativo e empresarial, ele tem as credenciais necessárias para uma campanha vitoriosa e eu espero que seja”, declarou.