Aprovados no Concurso para a Guarda Municipal cobram uma definição do prefeito Humberto Souto. Em 2015, 100 candidatos passaram no concurso para compor os quadros da GM. Até 2016, 50 foram chamados. Os outros permanecem à espera da convocação. 

A.S.F, que prefere a anonimato temendo perseguição, receia perder a chance do emprego, já que o concurso tem validade até julho. 
 
CAPACITAÇÃO
“Estou desempregado e espero há muito tempo ser chamado. Fui à prefeitura e no setor de recursos humanos ninguém queria responder. Com muita insistência consegui a informação de que a prefeitura não tem dinheiro, por isso não há previsão para realizar a capacitação”, disse. 

A preparação inclui, entre outras coisas, aulas de defesa pessoal e abordagem. A duração é de três meses e, neste período, a prefeitura tem que arcar com o pagamento de 50% dos salários dos candidatos.

Procurado pela reportagem, o secretário de Defesa Social, Anderson Chaves, afirmou que o setor está cumprindo a fase de investigação social e que o prefeito estuda a possibilidade de prorrogar o concurso.