O presidente da Codevasf, Antônio Avelino Neiva, anunciou ontem a abertura de licitação para construção da barragem de Jequitaí. A estrutura servirá para abastecimento e irrigação de propriedades rurais e poderá gerar 100 mil empregos diretos em 12 municípios. 

“É a obra mais importante desta região do semiárido. Vamos fechar o planejamento da obra com técnicos da Codevasf e fazer a licitação”, disse Avelino Neiva.

A Codevasf vai investir R$ 127 milhões. Nesta primeira etapa, serão liberados R$ 19 milhões para manter a licença ambiental, entre outras ações. Já para o remanejamento das famílias, conclusão da compra de terras e reassentamento da população, serão mais R$ 31 milhões. Estes recursos serão imediatamente liberados. O processo finaliza com a construção da barragem, orçada em R$ 77 milhões. Este último repasse está previsto no orçamento de 2018. 

Avelino Neiva afirmou que irá recorrer aos deputados a fim de viabilizar o orçamento. “Vou atrás dos deputados pra me ajudar neste termo, porque tenho pressa de ver o problema resolvido”, pontuou.

A comitiva do presidente visitou também o Projeto Jaíba, que com 30 mil hectares e cerca de 2.300 produtores é considerado o maior da América Latina na produção de alimentos. “Depois de encontrar o diagnóstico aqui, o presidente garantiu medidas imediatas, como a retirada de dragas e a limpeza do canal. Buscamos respostas definitivas para que os produtores saiam desta situação de preocupação permanente com a falta de água”, afirmou a deputada federal Raquel Muniz. 
 
REVITALIZAÇÃO
Avelino Neiva também esteve no projeto Gorutuba, em Nova Porteirinha, que receberá investimento de R$ 50 milhões do governo federal para modernização do sistema de irrigação de propriedades rurais. “Assinamos aqui a esperança de todos. Agora é só trabalhar, concluir a obra e colocar à disposição de todos os irrigantes”, disse o presidente ao assinar a ordem de serviço.

Raquel Muniz afirmou que é inegável o benefício do Gorutuba para a região. “É uma alegria receber o presidente, que vem com as mãos cheias e dispostas a levar muita coisa importante”, declarou a deputada.

Jânio Reis é um produtor de origem italiana que utiliza o Gorutuba. “Escolhemos aqui para realizar os nossos sonhos. A estabilidade do projeto passa naturalmente pela revitalização”, disse. 

Rodrigo Rodrigues, Superintendente da Codevasf, explica que mais de 480 agricultores poderão restabelecer a utilização de 100% da água. “Com a tubulação vamos reduzir a perda e fazer com que os direitos sejam garantidos”.