O ex-vereador Sérgio Pereira (PSDC) pode voltar a ocupar uma cadeira no Legislativo nos próximos dias. Ele assumiria no lugar do vereador Valdiney Siqueira (Leão), do mesmo partido, que sofreu mais uma derrota na Justiça.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) confirmou a decisão da Justiça Eleitoral que, por 6 votos a zero já havia entendido que houve abuso de poder econômico nas eleições de 2016 e compra de votos por parte de Leão, acusado de distribuir leite em comunidades rurais de Montes Claros, por meio do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene), onde tinha influência.

“Estou confiante. Com a mudança na lei, que autoriza (o afastamento) com a condenação em 2ª Instância, aguardo a publicação que deve ocorrer nos próximos cinco dias, de acordo com meus advogados, para então tomar posse”, afirmou Sérgio.

Consultado sobre a situação, o vereador Leão informou que só irá se manifestar depois da publicação oficial, de acordo com orientação dos seus advogados.