Final do Rural

Sapatada na rechonchuda / 14/11/2017 - 00h59

Parabéns ao grande público que prestigiou a finalíssima do Campeonato Rural de Montes Claros. A equipe de Aparecida venceu na categoria aspirante o time de Eduardos por 1 x 0 e na categoria Titular conquistou o título vencendo o Vila Nova por 3 x 1. As partidas começaram no horário e a presença dos torcedores no estádio José Maria Melo foi mesmo o que chamou atenção. Simplesmente sensacional a gente ver como quando as coisas são organizadas a torcida corresponde. Quero elogiar aqui ao Edmilson Alves, o popular Baianinho por seu empenho e comprometimento com a competição. Valeu a pena todo o esforço. Nem a chuva foi capaz de espantar a torcida.

 
Final do ciclismo
Uma chuvinha fina foi o pano de fundo para a última etapa do Ranking Bicimax de Ciclismo neste domingo. O público também compareceu na Avenida do Córrego Pai João para prestigiar o evento. A classificação final ficou com José Luiz de Oliveira Franco. Na categoria sub-23 Allisson Ferreira Duarte ficou em 1º. Na categoria Máster A venceu Leandro Marques e na Categoria Máster B venceu Sebastião Batista Amorim, de Januária.
 
Corrida do diabetes
No feriado de amanhã, os corredores estarão pela manhã reunidos na Praça dos Jatobás para prestigiar a corrida alusiva à luta contra o diabetes. A expectativa é que mais de 800 atletas possam participar do percurso que terá 10 e 5 Km, além da caminhada de 3 km. Haverá ainda apresentação da Orquestra Sinfônica de Montes Claros às 10 horas da manhã. A retirada os Kit´s está ocorrendo durante toda esta terça feira, 14, nas dependências do Ibituruna Shopping. Garantia de sucesso!
 
Estatística sobre a doença
Não vi nada sendo comentado nos grupos de Whatsapp que divulgaram a corrida, mas seria bom informar aos nossos leitores que pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde em parceria com o IBGE, mostra que o diabetes atinge 9 milhões de brasileiros, sendo que 6,2% da população é adulta. As mulheres, que perfazem 7% apresentaram maior proporção da doença do que os homens (5,4%), ou seja, temos um total de 5,4 milhões de mulheres contra 3,6 milhões de homens. Os percentuais de prevalência da doença por faixa etária são: 0,6% entre 18 a 29 anos; 5% de 30 a 59 anos; 14,5% entre 60 e 64 anos e 19,9% entre 65 e 74 anos. Para aqueles que tinham 75 anos ou mais de idade, o percentual foi de 19,6%. Outras informações podem ser obtidas no site do governo federal.

Publicidade
Publicidade
Comentários