Novas UTIs

Preto no Branco / 03/01/2018 - 01h16

A coluna mais uma vez saiu na frente ao divulgar que iniciaríamos o ano de 2018 com uma boa notícia para área de saúde do Norte de Minas. Naquela oportunidade já tínhamos conhecimento do assunto, mas a pedido da fonte e para não atrapalhar os entendimentos esperamos a publicação da decisão. Como já foi sacramentado, a coluna traz a informação de que o Ministério da Saúde autorizou a contratação de 20 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) no Hospital das Clínicas Mário Ribeiro da Silveira. Este jornalista tomou conhecimento do fato na quinta-feira da semana passada, por fonte ligada ao Governo do Estado, mas estávamos esperando apenas a publicação, o que aconteceu na noite de quinta para sexta-feira da semana passada.

Emenda impositiva
A Câmara Municipal de Montes Claros comemorou na virada de ano a sanção, por parte do Executivo, das emendas impositivas que somam valor de R$ 11,7 milhões. Na prática, todos os vereadores terão, dentro deste valor, dividido entre os 23 integrantes do Legislativo, o direito na indicação de realização de obras no município. Como se trata de emenda impositiva, o prefeito tem a obrigação de realizá-las, sobre o risco de ser enquadrado dentro da Lei de Responsabilidade Fiscal. 
 
Pai da criança
Chamou a atenção da classe política a divulgação na última semana de 2017, inclusive com direito a outdoor, de informação de político se apresentando como o responsável pela ampliação da frota de UTI móvel, do SAMU e que foi autorizado pelo Ministério da Saúde. Como o parlamentar é oposição ao Governo Federal, bem como não participou dos entendimentos que culminaram na liberação de recursos da ordem de R$ 250 mil para aquisição do veículo para Bocaiuva, Monte Azul, Francisco Sá, Manga e Salinas, a resposta foi imediata por parte do deputado estadual Gil Pereira, que lembrou do entendimento com o secretário Nacional de Atenção à Saúde, Francisco de Assis Figueiredo, com participação dos prefeitos das cidades beneficiadas e dos deputados da base. 
 
Sucessão municipal
Com apenas um ano de mandato dos atuais prefeitos, as articulações visando as eleições de 2020 já tiveram o seu pontapé. É o caso de Taiobeiras, onde o ex-prefeito Demerval Germano (PSDB) já articula o retorno à chefia do município. Além de ter sido eleito e reeleito, ele conseguiu fazer o sucessor, Danilo Mendes, que caminha para o segundo mandato. No final da atual legislatura, os tucanos completarão 16 anos no poder. Se Demerval for eleito, o PSDB permanecerá 20 anos no poder.
 
Vencedor da licitação
Sem fazer qualquer juízo de valor, o certo é que chama a atenção o fato de a Odebrecht e a OAS terem vencido a licitação para construção da ponte entre São Francisco e Pintópolis. Evidentemente que acreditamos ser apenas coincidência, já que as duas empresas investigadas na operação Lava Jato não cometeriam os mesmos erros do passado. De qualquer forma, não precisa ter bola de cristal para afirmar que a referida obra pelo menos para o próximo ano continuará sendo um sonho. Se houver qualquer movimentação, somente no próximo Governo.

Publicidade
Publicidade
Comentários