Otimismo

Plenarinho / 04/01/2018 - 00h23

O anúncio da Caixa Federal liberando R$ 4 bilhões de reais para o financiamento da compra de imóveis na linha Pró-Cotista deixou o empresariado da Construção Civil de Montes Claros mais otimista do que se esperava. Como a modalidade estava interrompida há quase um ano, a expectativa era muito grande. Mas a turma vai ter que empreender ritmo de Fórmula 1 já que o montante liberado é bem inferior ao do ano passado. Existem grande empreendimentos que deverão ser anunciados em breve, principalmente para atingir a classe média.

Comunicação
Num trabalho que vem sendo elogiado, o presidente da Câmara Municipal, vereador Cláudio Prates, prepara a implantação da rede de TV/Rádio do Legislativo que terá a missão fundamental de divulgar os trabalhos realizados pela Casa. A população ainda sente falta de acompanhar os trabalhos dos vereadores.
 
Pouca água
Para quem está com muita sede de avanços trabalhistas este anúncio do governo de Minas Gerais sobre vale alimentação para os servidores da Unimontes não está sendo comemorado. 
Já foi publicado no Diário Oficial de Minas Gerais o decreto que garante a concessão de ajuda de custo para as despesas de alimentação aos servidores públicos da Unimontes, da Universidade do Estado de Minas Gerais - Uemg e do Hospital Universitário. Segundo o decreto, a ajuda de custo será paga mensalmente na proporção dos dias trabalhados e não poderá ser concedida cumulativamente com outras vantagens ou benefícios destinados ao custeio ou atendimento de mesma finalidade. 
 
Samba do combustível
Quase similar ao “samba do crioulo doido”, também no setor de petróleo o Brasil vivem momentos de instabilidade e sem explicações para tantas variações de preços. A gasolina nunca esteve tão cara. O preço médio do litro em Minas Gerais estava em R$ 4,167 no fim de 2017, segundo levantamento oficial da Agência Nacional do Petróleo (ANP). Agora, vai subir mais. O governo de Minas aumentou de 29% para 31% a alíquota de ICMS sobre a gasolina, e de 14% para 16% o imposto sobre o etanol, numa decisão tomada, que passou a valer no dia 1º deste mês.
Segundo o diretor do Minaspetro (o sindicato dos postos), Braúlio Chaves, os repasses já estão chegando aos postos. “O impacto é de mais de R$ 0,12 no preço da gasolina e por volta de R$ 0,08 no etanol”. Ninguém aguenta mais tanta instabilidade. 
 
PT está desanimado 
É notório o desânimo dos petistas históricos de Montes Claros em relação ao futuro do ex-presidente Lula. Neste início de semana o noticiário é pessimista. O dia 24 de janeiro pode marcar o início de uma saga do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em busca de recursos e liminares para conseguir se viabilizar candidatura ao Palácio do Planalto em outubro. Lula será julgado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) no caso do tríplex do Guarujá. Caso a Corte confirme a condenação imposta pelo juiz Sergio Moro, Lula será enquadrado na Lei da Ficha Limpa. 

Publicidade
Publicidade
Comentários