O pagode do Zé

Plenarinho / 15/11/2017 - 01h41

Depois da internet, nada fica muito tempo escondido. O final de semana de Zé Dirceu, ex-ministro de Lula, foi em ritmo de pagodão. O aniversário da sua mulher teve animação e muito samba no pé. Durante a festa, o petista, condenado na operação Lava Jato, dançou ao lado da mulher, rodeado de amigos e encontrou o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT), condenado no Mensalão e anistiado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Desde maio, quando foi colocado em liberdade pela Corte máxima, Dirceu cumpre medidas cautelares impostas pelo juiz federal Sérgio Moro. Uma delas é o uso de tornozeleira eletrônica.

Ressaca
SindUTE, UJS, dentre outras organizações ligadas ao PT precisam repensar a maneira de fazer política. Agora mesmo em evento que seria realizado na praça Dr. Carlos, a população não compareceu e apenas nove membros balançavam bandeiras. Culpam a chuva pelo fracasso, mas na verdade escolhe este ou aquele deputado adversário para tentarem desgastá-los. UMA COISA.
 
Aécio
O senador Aécio Neves está preocupado com a sua instável posição dentro do PSDB. Aqui no Norte de Minas onde sempre obteve privilégios em termos de votos, o quadro atual não lhe é nada favorável. Tanto que de 50 prefeitos ouvidos durante encontro em Belo Horizonte na semana que passou, um “olheiro” da coluna fez a pergunta de quem votaria nele novamente e exatos 46 afirmam que não. A coisa está feia.
 
Câmara
Reunião do Legislativo ontem apresentou um clima muito estranho e de expectativa. É que fatos poderiam vir a tona. Um deles é a emenda para acabar com a Taxa de Lixo, onde vereadores querem dar um presente para a população. Acontece que o prefeito Humberto Souto já tem a solução no bolso do colete, ou seja, vereador não pode apresentar projetos que modificam a arrecadação financeira. A pressão vai ser muito grande pois a extinção da mesma foi usada politicamente na campanha e não cumprida. VEM BALA...
 
Kalil x Souto
O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS), anunciou ontem a antecipação do pagamento da segunda parcela do 13º salário dos servidores municipais. O pagamento será feito no dia 15 de dezembro, cinco dias antes do prazo legal, que é 20 de dezembro.“Dia 20 é muito em cima para o servidor providenciar suas compras, sua festa. Diferentemente de outros municípios, vamos quitar o 13º”, afirmou Kalil. Enquanto isso, aqui em Montes Claros, o prefeito Humberto Souto conforme comentários, estaria também preparando surpresa. Será?
 
Reforma trabalhista
A reforma trabalhista já está vigorando. Tanto que até o presidente Temer usou a rede oficial para se pronunciar. Mas, um detalhe importante: de cinco juristas com os quais eu conversei no final de semana, nenhum deles dominava o assunto com propriedade e afirmam que ainda vai demorar um pouco para que isto ocorra. Enquanto isso..

Publicidade
Publicidade
Comentários