Ministra

Plenarinho / 08/11/2017 - 01h37

A norte-mineira Carmem Lúcia Antunes, presidente do STF, está passando por uma prova de fogo. Depois do voto que decidia sobre a autonomia dos poderes, ela teve que enfrentar a fúria dos ministros Gilmar Mendes e Barroso, que discutiam como dois adolescentes em plenário. Carmem se limitou a pedir tranquilidade aos mesmos e isto foi interpretado como falta de força e liderança. Não concordo.

 
Quando janeiro chegar!
Estive conversando com dois vereadores já antigos na legislatura e eles estavam com o mesmo discurso. Garantem que se a relação com a prefeitura não melhorar a ofensiva da oposição vai ser pesada e não tem mais retorno. É esperar para ver no que vai dar.
 
Reunião
Todos os ocupantes de cargos comissionados que estão trabalhando na prefeitura vão ter que comparecer a uma reunião que vai ocorrer no Parque de Exposições. A convocação foi do secretário Claudim da Prefeitura, é claro. Endossado pelo prefeito Humberto. A expectativa é muito grande.
 
Dia dos pobres
Achei estranho, mas como partiu do Papa Francisco, do qual sou devoto e fã de carteirinha, a data deve ser prestigiada. Estou comentando sobre a nossa cidade de Montes Claros, que sediará de 13 a 19 de novembro o Dia dos Pobres, instituído pelo Papa Francisco, para chamar a atenção da população para as pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social. No dia 13, a partir das 13h, serão montadas barracas na Praça Doutor Carlos para mostrar as ações realizadas pelas pastorais sociais em prol deste segmento social. O coordenador da Pastoral Carcerária, Dílson Antônio Marques, explica que o grande evento será realizado no dia 19, celebrado pelos arcebispos Dom José Alberto Moura e João Justino. O sempre elogiado cristão Dilson está à frente do evento.
 
Dúvida
O Executivo enviou projeto de lei para o Legislativo municipal disciplinando a cobrança de Impostos Sobre Serviços de Qualquer Natureza. O texto seria votado ontem. Se aprovado, existe uma expectativa de arrecadação em torno de R$ 20 milhões por ano. O projeto tem de ser votado até o dia 14, ou há o risco de trancar a pauta. Porém, um grupo de vereadores quer pedir vistas do projeto, sob a alegação de que aguardarão a emenda do vereador José Marcos Martins de Freitas, o Marcos Nem, que propõe a extinção da Taxa do Lixo, tendo como compensação essa nova arrecadação. O vereador deveria entrar com emenda, mas até a hora em que fechávamos a coluna, não havia decidido. BRIGA BOA.
 
Divina Providência
É preciso registrar. Este projeto da Divina Providência comandado pelo empresário Paulo César Santiago é dos mais completos de todo o Estado de Minas Gerais. Os resultados de qualificação de jovens são quase que imediatos. Milhares deles que estão sendo incluídos no mercado de trabalho. Parabéns

Publicidade
Publicidade
Comentários