MDB

Plenarinho / 14/06/2018 - 06h20

O MDB tem a grande chance de voltar a ser protagonista na região, desde que o encontrão de amanhã no Automóvel Clube receba as lideranças que todos esperam. O deputado Tadeuzinho Leite, trás a Montes Claros a tropa de choque do partido que vai brigar de frente com Fernando Pimentel, já que conseguiu a proeza de afastar-se de seu principal aliado nas últimas eleições. Aliás, Pimentel não tem culpa de ter trago Dilma, a ex-presidente, para Minas Gerais. A Executiva Nacional tem a culpa principal.

MDB II
É preciso esclarecer que estavas tudo ‘costurado’ com o MDB em termos de composição política. Como Pimentel será o cabeça de chapa, saindo para o governo, Adalclever iria para o Senado Federal, e teria a incumbência de acalmar o presidente da sigla, Toninho Andrade, hoje o principal desafeto do governador. Tudo deu errado e Tadeuzinho tem a difícil função de também acertar os ponteiros do relógio sucessório.
 
PSB
Foi motivo de sorrisos por parte do grupo do ex-prefeito Ruy Muniz, quando matéria jornalística dá enfoque ao encontro da Comissão Provisória do PSB, que tem a frente o empresário Pávilo Miranda. Tentam afirmar que os “ruizistas” ficaram de fora do evento, quando na verdade há muito tempo que os mesmos não pertencem mais as fileiras do partido de Márcio Lacerda.
 
PSB II
Aliás, está faltando maturidade aos novos dirigentes, pois vem a eleição para o governo em outubro, com Lacerda de candidato ao cargo de governador e com chances de ir para o segundo turno. É preciso negociar com muitos partidos para se fortalecer. Brigar agora, para qualquer partido, é deixar rancores para futuras conversas.
 
Maçonaria
O prefeito de Montes Claros esteve na maçonaria como convidado e durante muito tempo explicou tudo sobre a sua administração. Mais uma vez, segundo alguns maçons, ele gastou muito tempo criticando administrações anteriores, em um grande espaço onde se poderia ter firmado ações mais práticas para a cidade.  
 
Leilão
Em Janaúba foi um sucesso o leilão, surpreendendo a todos com o preço. Agora na Expomontes, com o retorno das chuvas às terras norte-mineiras, veio acompanhado de esperança, e esse sentimento torna especial o 12º Leilão de Touros dos Criadores de Nelore do Norte de Minas, da 44ª Expomontes. Serão 40 touros, 10 fêmeas e quatro lotes de bezerros com corte especial.
O leilão será realizado no dia 3 de julho, às 19h, e reserva condições especiais aos compradores, como parcelas divididas em 24 vezes, desconto em compras a vista e frete grátis para uma distância de até 250 quilômetros.

Publicidade
Publicidade
Comentários