Mais um golpe

Plenarinho / 03/10/2017 - 00h22

Mais um golpe contra o bolso do consumidor brasileiro. Agora uma mudança na administração de radares instalados em rodovias federais que cortam Minas Gerais deve impactar diretamente em todos nós. Com o fim dos contratos dos radares anteriormente administrados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), os equipamentos de fiscalização ficarão sob-responsabilidade das concessionárias. Essa transição vai refletir diretamente nas tarifas de pedágio, já que as concessionárias terão que arcar com o custo operacional dos radares. Atualmente existem 169 equipamentos de fiscalização eletrônica nas rodovias federais que passam pelo Estado, instalados nos trechos sob concessão da Invepar/Via 040, MGO Rodovias e Triunfo Concebra.

 Visita
O escritório regional da Copasa já está com tudo pronto para receber a Comissão especial da Câmara Federal, quando a deputada federal Raquel Muniz estará, juntamente com membros da Comissão da crise Hídrica, visitando a Barragem de Juramento. Eles terão acesso aos dados oficiais da grave crise provocada pela seca.
 
“PuxadinhoS”
Em Belo Horizonte, o prefeito Alexandre Kalil deu um prazo de 60 dias para que os moradores que construíram “puxadinhos” em suas propriedades procurem a prefeitura para regularizarem a situação. Se a medida fosse tomada aqui, dificilmente teria sucesso, principalmente por causa das interferências políticas.
 
União
Quem diria? Até o Partido dos Trabalhadores vai estar ao lado do senador Aécio Neves na luta para dar autonomia ao Senado na decisão do futuro do mineiro. Dos dez votos, Aécio terá pelo menos oito votos favoráveis, já que uma grande maioria deles têm envolvimento com as diversas operações ante corrupção. Uma coisa.
 
DNOCS
A situação do DNOCS-Departamento Nacional de Obras Contra Secas é realmente lamentável. O diretor Guila Ramos cumpre apenas situação protocolar, pois são poucas as emendas parlamentares que chegam e principalmente recursos da União. Antes, o órgão competia com a Codevasf na distribuição das mesmas emendas, mas há muito que está isolado.
 
Rádio
Com programação eclética, e como novidade um grande jornal falado ao meio-dia, a 104.9 entra em ação com uma proposta de rádio inovadora. Transmite noticiário para mais de 15 cidades do interior de Minas tudo na proposta de melhor informar. Parabéns.
 
Leninha
Com mais de 33 mil votos na campanha para a prefeitura de Montes Claros, a socialista Leninha do PT está sendo colocada de lado pela cúpula do partido. Com o anúncio do nome de Virgílio Guimarães, estadual, para compor a chapa como Paulo Guedes, federal, inevitavelmente haverá um grande choque na busca pelo mesmo eleitorado. BRIGA BOA

Publicidade
Publicidade
Comentários