Gabi Alves lança seu primeiro CD

Magnus Medeiros / 09/03/2018 - 16h28

Aos 22 anos, a cantora Gabi Alves chega ao mercado fonográfico para dar um tom feminino à música sertaneja, dominada pelos homens. Nos passos de Simone & Simaria, Maiara & Maraisa, a garota de Montes Claros promete também conferir uma roupagem mais pop ao gênero, como mostra em seu CD de estreia. A nova promessa musical do cenário sertanejo lança, logo mais à noite, seu primeiro CD solo. Gabi recebe convidados, no Aroma Restaurante, a partir das 23h. “Eu vou beber” é o nome do álbum de estreia. Produzido por Shekinah Stúdio e H3B Produtora de Áudio, o CD contém 16 faixas, sendo três de autoria da própria cantora e 13 regravações. “São músicas que o público gosta e destaques no cenário sertanejo atual, de artistas que são influências na minha carreira”. 

Reflexão
“O homem pensa. A mulher sonha. Pensar é ter cérebro. Sonhar é ter na fronte uma auréola. O homem é um oceano. A mulher é um lago. O oceano tem a pérola que embeleza. O lago tem a poesia que deslumbra. O homem é a águia que voa. A mulher, o rouxinol que canta. Voar é dominar o espaço. Cantar é conquistar a alma. O homem tem um farol: a consciência. A mulher tem uma estrela: a esperança. O farol guia. A esperança salva. Enfim, o homem está colocado onde termina a Terra. A mulher, onde começa o céu!” (Victor Hugo). Nossa homenagem a todas as mulheres norte-mineiras pelo seu dia ocorrido na última quinta-feira.

Etiqueta
Mantenha a postura, jovem! Não aumente o tom de voz, ou seja, simplesmente boçal para afirmar seu ponto de vista. Em vez disso, é recomendável exercitar a gentileza e a modéstia, deixando de lado os hábitos ditatoriais. Gritar para ser ouvido é algo tolerável apenas em bebês. Sacou?

Aprendendo
Catorze ou quatorze? Cinquenta ou cincoenta? Olho vivo, moçada. Catorze alterna com quatorze. Ambas as formas merecem nota 10. Mas cinquenta é única. Xô, cincoenta!

FIGURAS E FATOS

Nomes de ruas
Mais do que as casas, as ruas de Montes Claros são um problema. O mais comum em nossa cidade é encontrar gente perdida atrás de endereço. Houve tempo em que a moda no Brasil, seguindo o mundo, era ter ruas com nomes de datas. Depois, veio a mania de homenagear pessoas e, então, as cidades se tornaram uma confusão a mais. Os nomes em geral são de circunstância. Alguns, comprovadamente merecedores e outros, no entanto, sem serviço algum prestado à comunidade. Há os que ajudaram no desenvolvimento da cidade à custa de muito trabalho e abnegação e foram esquecidos de forma injusta e inexplicável. Que os nossos representantes na Câmara procurem fazer um sério levantamento, resgatando a memória de nomes ilustres esquecidos. Aliás, existem nomes de ruas com nomes mais esdrúxulos possíveis, que podem e ser mudados. De leve.
 
A força do app Vero  
Apesar de muitos usuários terem diversas queixas contra as plataformas, Facebook e Instagram são as redes sociais mais queridinhas da atualidade. Mas uma terceira opção ganhou destaque nas últimas semanas devido à promessa em ser uma rede social sem anúncios ou manipulações de conteúdo por meio de algoritmos. Lançado em 2015, o app Vero tem a proposta de oferecer algumas coisas que o Face e o Insta não foram capazes de nos dar, como navegação sem anúncios e um feed em ordem cronológica, sem a utilização de algoritmos para selecionar o que nos é apresentado. Segundo a empresa, Vero é uma rede social “de verdade”, daí o nome do app - em italiano, “vero”.
 
Carteira da OAB
Em nossa sociedade, muitos jovens têm se destacado em carreiras profissionais que escolheram e, sempre, fazemos questão de mostrá-los como exemplos a serem seguidos. Os familiares dos jovens Stephanie Veloso Quintino e seu namorado Fábio Vieira Machado circulam felizes com o sucesso dos dois. Motivo: acabam de conseguir a carteira da OAB, depois de enfrentarem rigorosas provas. Mariah Carvalho é uma das mais entusiastas com o sucesso dos seus queridos sobrinhos. Nossos cumprimentos.

Utilidade pública 
Consumidores têm sido surpreendidos, nos últimos tempos, com uma nova prática adotada por grandes redes varejistas dos mais variados segmentos: o pedido do operador de caixa – que às vezes mais parecem uma ordem – para que digitem o número do CPF na hora de pagar a compra, seja ela quitada com cartão de crédito ou débito, ou em dinheiro. Sem questionar o motivo, muitos atendem à solicitação, enquanto outros s negam, alegando questões de segurança. Segundo o Procon Assembleia, a prática não é ilegal, desde que o consumidor não seja obrigado a digitar o número do seu CPF para concluir a compra. O cliente deve ser convidado a fazer cadastro e, assim, participar de algum programa de benefícios, como descontos, milhagens, fidelização etc. Caso seja obrigado, está caracterizada prática abusiva, prevista no artigo 39, inciso V, do Código de Defesa do Consumidor, que deve ser denunciada ao Procon. Olho vivo!
 
Promoção Núcleo de Ópera e Rotary União
Não se esqueçam! O Núcleo de Ópera e o Rotary Club de Montes Claros – União promovem logo mais à noite, na Chácara Bugarin, uma noite com diversas atrações culturais, reunindo música e literatura em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. Dentre as atrações, o tenor Márcio Valle (que compõe o coro do Teatro Municipal de São Paulo), tendo como proposta a de cantar modinhas brasileiras e outras acompanhadas ao violão, no afã de aproximar a canção erudita do público. Ainda na programação, o lançamento do livro “O Folhelho - Histórias de Vida”, do escritor português Fernando Paralta, À frente do projeto, a maestrina Maristela Cardoso.
 
Expulsando demônios
“Só Jesus expulsa o demônio das pessoas”, diz o bordão evangélico pichado em muros país afora. No dia 14 de abril, quem estiver disposto a desembolsar R$ 50 pode aprender como dar uma mãozinha nessa operação. É o que promete o Curso de Libertação e Expulsão de Demônios na Prática, um oferecimento dos pastores irmãos Alexandre Metelo, 28, e Alex Metelo, 32, pregadores numa pequena igreja de Cuiabá (MT), a Casa do Senhor. Sem maiores comentários.
 
27ª Festa Nacional do Pequi
De hoje até o próximo domingo dia 11, nossa cidade viverá em tempo da 27ª Festa Nacional do Pequi com exposições, feiras, oficinas, palestras e shows na praça da Matriz. Realizado, tradicionalmente, durante o evento, o concurso de arroz com pequi é aguardado por apreciadores da culinária regional e tem grande apelo popular. Será promovido, amanhã, às 11h, pelo Centro de Agricultura Alternativa (CAA), no Solar dos Sertões. O concurso é aberto a toda comunidade e as inscrições são gratuitas.
 
Recanto do Rio apresenta Carlos Soyer
Já se tornou uma tradição a deliciosa feijoada aos sábados no Recanto do Rio, BR–365 (saída para Pirapora ), km 9 (só asfalto), logo depois do posto Barral 2, e ponte do rio Pacui, à esquerda. Para completar, show com Carlos Soyer, um dos cantores dos mais talentosos da cidade, embalando com repertório de primeira linha a sua tarde. Neste sábado, um show em dose dupla com Soyer e o gabaritado músico (saxofonista) Daniel Oliveira é a grande dica de final de semana. Contatos pelo telefone (38) 99912-8000. Imperdível!
 
Terminando
Concedei-me a serenidade para aceitar as coisas que não posso modificar, coragem para modificar aquelas que posso e sabedoria para perceber a diferença

 

Publicidade
Publicidade
Comentários