Calote de Souto nos servidores completa 1 ano

JJ em Dose Dupla / 02/01/2018 - 05h48

A administração tartaruga soltou nova lista de pagamento para quitar a dívida de funcionários demitidos no ano passado, fato que vergonhosamente completou um ano. Além do não pagamento do salário de dezembro de 2016, incluem-se também as rescisões. O calote em boa parte dos ex-funcionários continua, com Souto se negando a pagar aqueles trabalhadores que segundo ele eram da confiança dos ex-prefeitos Ruy Muniz e Zé Vicente. Em tempo: a informação obtida dentro do próprio palácio da Cula por JJ é de que a relação dos poucos contemplados com o pagamento nesta semana se limita a menos de 200 nomes e foi para atender a um pedido do secretário de Educação, Benedito Said. Na verdade, Souto, que se diz honesto, continua retendo recursos do tesouro e se negando a pagar a dívida de vários trabalhadores por pura picuinha e retaliação política. O calote do “honestinho” completou 1 ano e é o retrato desta administração que envergonha Montes Claros, com mais de 80% de rejeição popular.

Associação de repentistas
A Associação de Repentistas e Poetas Populares do Norte de Minas segue em boas mãos. Fundada há mais de 30 anos por Téo Azevedo, Zé Vicente, Tom Andrade e Amelina Chaves, hoje com sede na Av. Brasil, 3558, no bairro Zé Carlos de Lima, é presidida pelo talentoso artista e funcionário da Funorte Álvaro Vicente Froes Medeiros, músico e apresentador da TV Geraes. Sempre em constantes promoções culturais, a associação realizou homenagem ao saudoso cantor sertanejo Tião Carreiro, e, no último dia 17, no Genius Bar, homenageou várias personalidades culturais, sob o comando dos grandes comunicadores Álvaro Froes e Zé Vicente, seu pai, grande radialista e ícone da nossa cultura. Aplausos!

AS QUENTES DA POLÍTICA

Souto quer a Amans?
Só pode ser piada de mau gosto. Mas circula nos bastidores fortes comentários de que o “honestinho” quer ser candidato no final deste ano à presidência da Amans. O pior prefeito do Norte de Minas não dá conta da prefé, imagine da Amans, entidade que congrega um número enorme de cidades da região.

Obra tartaruga
Se não fosse a força, a determinação e a vontade política do vereador Edmilson Magalhães (PSDB), a obra do trevo da Real não teria sido concluída por Souto. A lentidão da mesma assustou a todos. Edmilson teve que brigar o tempo inteiro para que finalmente acabasse o trevo da morte. O mérito é dele e jamais da prefé.

EM SOCIEDADE TUDO SE SABE

Pré carnaval de JJ
E vem aí o famoso pré carnaval de JJ, um dos mais animados agitos carnavalescos do interior.

 

Publicidade
Publicidade
Comentários