O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria Extraordinária de Desenvolvimento Integrado e Fóruns Regionais (Seedif), e o Sebrae assinaram um convênio com 11 prefeituras mineiras para garantir o apoio a 14 Arranjos Produtivos Locais (APL). O valor total dos convênios é de R$ 285 mil. No Norte de Minas, a Fruticultura de Jaíba e o Vestuário de Espinosa serão contemplados. 

Participaram da solenidade, realizada na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, autoridades e representantes dos municípios contemplados. Durante a assinatura, o secretário da Seedif, Wadson Ribeiro, ressaltou a importância do desenvolvimento regional como indutor das potencialidades e vocações locais.

“Cada município mineiro possui habilidades distintas em desenvolvimento. Nossa tarefa enquanto governo é identificar e apoiar essas ações para que as possam explorar essas características gerando renda e emprego”, disse o secretário.

O diretor do Sebrae-Minas reforçou o esforço da parceria com o Governo de Minas Gerais, no sentido de resgatar, valorizar e promover os Arranjos Produtivos Locais (APLs) e, acima de tudo, os municípios mineiros.

“Nosso papel é justamente fortalecer as vocações natas dos nossos municípios. O Sebrae acredita que apenas a união vai nos trazer de volta a esperança. Estamos ao lado dos empresários, municípios e do Governo”, afirmou Anderson Cabido.

A parceria entre a Seedif e o Sebrae-MG também irá estimular ações de fomento à inovação e competitividade.

(Agência Minas)