Diz a máxima do futebol que “o clássico começa uma semana antes e só termina uma semana depois”. E o ditado se confirma às vésperas do duelo entre Atlético e Cruzeiro, no próximo sábado, pelo Brasileirão.

Coincidentemente, os rivais compartilham uma agenda semelhante nos dias que antecedem o confronto. Neste intervalo, ambos ainda terão outro jogo pela Série A e mais um pela Copa do Brasil, com apenas 48 horas de descanso entre cada um dos compromissos.

O Galo atuou no último sábado (2 a 2 com o São Paulo, no Morumbi), viajou de volta no dia seguinte e poupou os titulares no empate em 0 a 0 com o San Lorenzo, pela Copa Sul-Americana. 

A Raposa, por sua vez, foi a campo no domingo (1 a 0 sobre o Botafogo, no Mineirão) e teve a semana livre. Desta forma, deduz-se que os times chegarão ao encontro em condições físicas similares.

A principal diferença é que o Galo fará uma viagem a mais, pois decidiu retornar após encarar o Atlético-PR. Vale destacar que os times farão só um treino específico de preparação para o clássico.